A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Setembro de 2016

22/12/2015 15:02

Com produtos tradicionais, Mercadão sorteia prêmios e abre até às 19h

Mariana Rodrigues
Com grande variedade de produtos, vários clientes optam por comprar no Mercadão. (Foto: Fernando Antunes)Com grande variedade de produtos, vários clientes optam por comprar no Mercadão. (Foto: Fernando Antunes)

Com movimento o ano inteiro, o Mercado Municipal de Campo Grande é repleto de uma grande variedade de produtos de qualidade. Tradicional entre a população, o local chega a receber 5 mil pessoas em dias normais, mas com a chegada do Natal o movimento aumenta ainda mais. Só ontem (21), de acordo com a administração, 3.100 pessoas passaram por lá, isso pelo volume de veículos, sem contar quem chega e sai a pé do local.

Veja Mais
Com várias opções de itens, cestas de Natal variam entre R$ 28 e R$ 700
Camelódromo tem Papai Noel, praça de alimentação e brindes até às 22h

O assessor administrativo do Mercadão Daniel Amaral, diz que este ano a média de vendas foi um pouco menor se comparado ao mesmo período do ano passado, mas ainda assim ele considera as vendas boas. "Estávamos esperando um verdadeiro caos, mas acreditamos em aumento de 40% no fluxo de pessoas nestes últimos dias e consequentemente aumentado nas vendas", afirma.

Daniel explica que a contagem de pessoas é feita pelo número de carros que chegam ao estacionamento. "Esse número pode ser ainda maior, pois não contamos motos e nem as pessoas que chegam de táxi ou a pé. O que podemos afirmar é que as pessoas que passam por aqui não saem sem comprar".

Pedro Ferreira da Silva, diz que a erva é o produto mais procurado. (Foto: Fernando Antunes)Pedro Ferreira da Silva, diz que a erva é o produto mais procurado. (Foto: Fernando Antunes)
Gilson Arguelho Francisco, vende erva para tereré e produtos para o preparo da bebida. (Foto: Fernando Antunes)Gilson Arguelho Francisco, vende erva para tereré e produtos para o preparo da bebida. (Foto: Fernando Antunes)

Os vendedores estão comemorando esse período, como eles mesmos dizem que, apesar da crise, tão falada nos últimos meses, a expectativa de vendas são as melhores possíveis para este fim de ano. Gilson Arguelho Francisco, 27 anos, funcionário de uma banca que vende nozes, ervas e farináceos, diz que o movimento aumentou bastante e o estoque teve que ser maior para atender a demanda que subiu para 200% se comparado ao mês de novembro. "Aumentamos para atender a demanda, quem acreditou que a crise iria afetar as vendas e não tem estoque está tendo que pedir de última hora", diz Gilson.

Um dos carros chefes do Mercadão é a erva para tereré, que também teve o estoque reforçado nesta semana que antecede o Natal. A explicação é que muitas pessoas que estão indo viajar encomendam para parentes e amigos que vivem fora do Estado. "A erva mate não deixa de vender, e a que mais vende é a tradicional, sem sabor", conta Pedro Ferreira da Silva, 28 anos, funcionário de um box que além das ervas, vende alho, Castanha do Pará e já registrou um aumento de 95% nas vendas.

Quem comercializa verduras, frutas e pimentas, também comemora as vendas e acredita que vai melhorar ainda mais nos dias 23 e 24 de dezembro, já que os consumidores preferem comprar produtos mais frescos. "Na véspera vende bem e aumentamos o número de mercadorias para atender a demanda, apesar de ser menor que o do ano passado", conta o vendedor Adeilton Soares, 26 anos. Ele diz ainda que a procura maior é pelas pimentas que custa a partir de R$ 5 dependendo da qualidade e do tamanho.

Cíntia Fukuchi, espera aumento nas vendas nos próximos dias. (Fernando Antunes)Cíntia Fukuchi, espera aumento nas vendas nos próximos dias. (Fernando Antunes)

Cíntia Fukuchi, uma das proprietárias de um box que vende hortifrútis e plantas ornamentais, conta que a procura já começou mas ainda é tímida. "A expectativa é que melhore de hoje para amanhã, até por que não dá para comprar alguns produtos com muita antecedência", No box dela é possível encontrar além das frutas natalinas como pêssegos, uvas e manga, frutas exóticas como a pitaya.

Os açougues que funcionam dentro do Mercadão Municipal também estavam lotados e com grande movimentação nesta terça-feira (22). 

Sorteio - Para aumentar as vendas e atrair os clientes, o Mercadão recebeu uma decoração especial de Natal. De acordo com Daniel, a decoração foi para levar o espírito natalino até o local, gastando o míni possível. O horário de atendimento também foi ampliado até às 19h.

Além da decoração, os clientes podem participar de um sorteio no dia 5 de janeiro. A cada R$ 10 em compras, o consumidor recebe um cupom e concorre a vários prêmios como: aparelhos de TV e bicicletas. O sorteio acontecerá no estacionamento do Mercadão

(Foto: Fernando Antunes)(Foto: Fernando Antunes)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions