A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

02/07/2016 09:42

Depois do feijão, preço do arroz sobe 25% no mês e pesa no orçamento

Fernanda Yafusso
Pacote de arroz com 5kg teve um aumento de 25% desde o mês passado (Foto: Fernanda Yafusso)Pacote de arroz com 5kg teve um aumento de 25% desde o mês passado (Foto: Fernanda Yafusso)

O prato preferido dos brasileiros está mais caro e pesando no orçamento das famílias. O básico arroz e feijão, está perdendo espaço na mesa daqueles que precisam economizar. Nas últimas semanas, o quilo do feijão passou dos R$ 10 e agora é a vez do arroz que ficou 25% neste mês.

Veja Mais
Puxada pelo feijão, preço da cesta básica encarece 0,11% em junho
Almoço fica mais caro com alta do feijão e clientes esvaziam restaurantes

De acordo com o Nepes (Núcleo de Pesquisas Econômicas) da Uniderp, desde o mês passado, o preço do saco de arroz Tipo 1 com 5kg, teve aumento de 25%. Pelos bairros, o preço do produto varia entre R$ 9,88 e R$ 16,99, de acordo com a marca.

Diante do preço do pacote de 5 kg do arroz, os consumidores têm optado por reduzir o consumo e comprar o menor, de um quilo, cujo preço varia entre R$ 3 e R$ 5. Outros decidem buscar um estabelecimento que oferecesse um valor menor do que encontrado no local.

Pesquisa - O Nepes (Núcleo de Pesquisas Econômicas) realizou o levantamento considerando quatro marcas de arroz Tipo 1 (Tio Urbano, Tio João, Tio Bepy e Tio Lautério).

Em junho do ano passado o valor do arroz Tio João era de R$ 14,57, já em junho deste ano o valor subiu para R$ 17,59.

Porém, a maior variação no preço foi no saco de arroz da marca Tio Bepy, 25% em comparação ao mesmo período no ano passado.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions