A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

01/02/2016 08:09

Professora investe R$ 120 mil e monta academia na garagem de casa

Mariana Rodrigues
A academia ocupa a garagem e o quintal da casa. (Foto: Gerson Walber)A academia ocupa a garagem e o quintal da casa. (Foto: Gerson Walber)

Ter o próprio negócio, trabalhar no conforto de casa e ainda conciliar tudo isso com a profissão escolhida é o sonho de muita gente, mas Suely Raquel Souza Alves, 42 anos, conseguiu colocá-lo em prática. Após terminar a faculdade de educação física, resolveu investir R$ 120 mil para montar uma academia na própria garagem. Ela que trabalhava como vendedora em uma grande loja de varejo de móveis e eletrodomésticos, saiu do emprego e com o valor da rescisão e o dinheiro que conseguiu vendendo um carro e uma moto, investiu nas primeiras peças do empreendimento.

Veja Mais
Microempreendedores têm nova opção de financiamento para negócio próprio
Empreendedor individual tem até 31 de maio para fazer declaração anual

Como não tinha os aparelhos, ela começou pelas aulas de Jump dada aos 60 alunos. Atualmente a quantidade de alunos é menor do que há três anos, quando montou a academia, ela explica que isso ocorre devido a rotatividade de alunos. "Alguns procuram a academia porque tem uma festa para ir, ou querem ficar sarados para uma certa ocasião, alguns conseguem o resultado e acabam saindo logo depois".

Agora, Suely tem 30 alunos frequentes, a maioria donas de casa na faixa etária dos 20 aos 60 anos. São quatro aulas por dia, cada uma possui entre seis e 12 pessoas. "Muita gente até pensa que a academia é exclusiva para o público feminino, mas não é", afirma.

Expansão - Aos poucos ela foi adquirindo aparelhos de ginástica e precisou ampliar a academia, que foi da garagem para o quintal de casa. "Fui pegando o espaço da minha própria casa para aumentar a academia", conta.

Suely Raquel Souza Alves, pretende aumentar ainda mais a academia e ocupar os lugares vagas do seu terreno. (Foto: Gerson Walber)Suely Raquel Souza Alves, pretende aumentar ainda mais a academia e ocupar os lugares vagas do seu terreno. (Foto: Gerson Walber)

Dos 70 metros quadrados construídos, Suely afirma que só sobraram duas peças que são da residência, o restante virou academia. Mas ela pretende deixar a empresa ainda maior. "Eu quero fazer um sobrado, aumentar mais, ainda tenho espaço para isso". Entre os benefícios, ela comemora que não precisa pagar aluguel e ainda é a pioneira nesse ramo no bairro onde mora.

Ganhos e perdas- Os lucros também são relativos e dependem da quantidade de alunos. Mas ela afirma que já conseguiu faturar R$ 4 mil por mês, mas em média o lucro é de R$ 2.600. "Prefiro um dia ter que mudar de casa do que tirar a academia daqui, independentemente da minha situação financeira ou de quanto ganho com a academia", admite.

Assim como todo empreendedor ela também sentiu a crise no final do ano passado, considerado por ela um dos piores, onde faturou menos e perdeu alguns alunos por conta da atual situação financeira do país. "Teve aluno que deixou de malhar por conta da conta de água", relata ela que não fez nenhum tipo de curso para começar a empreender ou procurou qualquer outra orientação.

A maioria dos alunos é composto por donas de casa que moram na região. (Foto: Arquivo pessoal)A maioria dos alunos é composto por donas de casa que moram na região. (Foto: Arquivo pessoal)

Diferencial - Ela que é pós-graduada em Personal Training, diz que não pretende mudar do bairro e nem deixar a academia, mesmo com tantas dificuldades. Orgulhosa ela conta que nenhum aluno sai sem saber fazer corretamente um exercício, além disso, como a maioria do seu público é composto por mulheres, ela conta que as mães que vão até a academia têm um espaço para deixar as crianças enquanto malham.

"Esse é outro projeto e quero aperfeiçoar, quero criar um espaço kids no fundo da academia, no espaço que sobra do quintal, para atender essas mulheres que têm filhos e não tem com quem deixar enquanto malham".

Os valores das aulas também são um diferencial, já que a musculação custa R$ 50 e o pacote com jump, localizada e zumba, sai por R$ 60. A explicação para o preço barato em vista de outras academias, é que além de não ter gastos com aluguel, ela é a única a dar aulas, ou seja, não possui gastos com outros profissionais.

A Action Academia está localizada na Rua Ada Frahia, 329,no Bairro jardim Búzios, outras informações podem ser obtidas através do telefone (67) 3363 - 4940 ou pelo WhatsApp 9122-8112.

A academia começou com aulas de jump e agora já possui quase todos os aparelhos de ginástica. (Foto: Gerson Walber)A academia começou com aulas de jump e agora já possui quase todos os aparelhos de ginástica. (Foto: Gerson Walber)
Atualmente Suely possui cerca de 30 alunos frequentes. (Foto: Arquivo pessoal)Atualmente Suely possui cerca de 30 alunos frequentes. (Foto: Arquivo pessoal)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions