A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 27 de Setembro de 2016

12/01/2016 10:25

Empreendedor individual tem até 31 de maio para fazer declaração anual

Caroline Maldonado
O MEI pode ter um empregado ganhando até um salário mínimo ou o piso salarial da profissão (Foto: Eliel Oliveira)O MEI pode ter um empregado ganhando até um salário mínimo ou o piso salarial da profissão (Foto: Eliel Oliveira)

Vai até o dia 31 de maio o prazo para quem é empreendedor individual fazer a Declaração Anual do Simples Nacional, pelo site www.portaldoempreendedor.gov.br. É preciso informar os documentos pessoais e o faturamento de 2015. Em Mato Grosso do Sul, 80 mil empreendedores se enquadram nessa categoria, sendo 34 mil em Campo Grande, segundo dados da Receita Federal, de novembro de 2015. 

Veja Mais
Carnê do micro empreendedor individual não é falso como propagou boato
Entidades oferecem atendimento gratuito a empreendedor individual

O MEI paga o valor mensal de R$ 39,40 referente ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), além de R$ 5 para prestadores de serviço ou R$ 1 para comércio e indústria. O pagamento é feito por meio de carnê emitido pelo Portal do Empreendedor.

O empreendedor individual também tem que pagar taxas municipais e estaduais, cujos valores variam dependendo da região e a função exercida. Além de fazer a declaração, o MEI deve ter alvará e apresentar relatório mensal das receitas brutas.

Empregado – O MEI pode ter um empregado ganhando até um salário mínimo ou o piso salarial da profissão. O empregador precisa preencher a Guia do FGTS e a GFIP (Informação à Previdência Social) que é entregue até o dia 7 de cada mês, por meio do sistema Conectividade Social da Caixa Econômica Federal.

O empreendedor individual deve depositar o FGTS (Fundo de Garantia de Tempo de Serviço), calculado à base de 8% sobre o salário do empregado e ainda recolher 3% desse salário para a Previdência Social. Com isso, o custo total do empregado é de 11% do respectivo salário ou R$ 86,68, se o empregado ganhar o salário mínimo. O cálculo é feito pelo valor do salário multiplicado por 3% (parte do empregador) e por 8% (parte do empregado).

Orientação - Quem tiver dúvidas sobre a declaração poderá recorrer a atendimento gratuito no Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa), que começa hoje (12) e segue até 31 de março. A ação é uma parceria com o Sescon (Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no MS).

Quem está enquadrado no MEI (Micro Empreendedor Individual) pode procurar o atendimento as segundas, quartas e sextas, das 8h às 12h e das 14h às 18h. O endereço é Avenida Mato Grosso, 1661, esquina com Rua Bahia e mais informações podem ser obtidas pelo (67) 3291-0700.

Microempreendedores do interior do Estado, podem entrar em contato pelo telefone 0800-570-0800 ou pelo site www.ms.sebrae.com.br

Carnê do micro empreendedor individual não é falso como propagou boato
Para combater a inadimplência, a SMPE (Secretaria da Micro e Pequena Empresa) começou a enviar pelos Correios, em janeiro deste ano, o ‘Carnê da Cida...
Entidades oferecem atendimento gratuito a empreendedor individual
Até 31 de março, os Empreendedores Individuais do Estado terão atendimento gratuito para informações sobre a entrega da Declaração Anual do Simples N...
Empreendedor individual terá atendimento gratuito sobre declaração anual
Do dia 12 de janeiro até 31 de março, os Empreendedores Individuais do Estado terão atendimento gratuito para informações sobre a entrega da Declaraç...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions