A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

24/08/2015 08:12

Instituto Arara Azul lança 2ª campanha para adoção de ninhos em MS

Viviane Oliveira
A arara-azul continua na lista vermelha das espécies ameaçadas da União Internacional pela Conservação da Natureza.(Foto: divulgação) A arara-azul continua na lista vermelha das espécies ameaçadas da União Internacional pela Conservação da Natureza.(Foto: divulgação)

O Instituto Arara azul lançou a 2ª Campanha “Adote um Ninho” para custear estudos e monitoramento de ninhos no Pantanal. Atualmente, são monitorados de 120 a 150 ninhos por ano, em 450 mil hectares, nas regiões de Aquidauana, Miranda, Rochedo, Rio Negro e Coxim. Ao todo, estão cadastrados 599 ninhos, sendo 346 naturais e 253 artificiais. O projeto existe há 25 anos.

Veja Mais
Arara abre torneira e se refresca a pedido de amigo de “longa data”
Projeto Arara Azul eleva em 31% o número de monitorados no Pantanal

Em dezembro do ano passado, o Ministério do Meio Ambiente retirou a ave da lista da Fauna Brasileira Ameaçada de Extinção, porém a arara-azul continua no grupo vermelho das espécies ameaçadas da União Internacional pela Conservação da Natureza.

De acordo com a presidente do Instituto, Neiva Guedes, o apadrinhamento vai proporcionar a manutenção da biodiversidade do Pantanal, tanto às araras-azuis como várias outras espécies de aves que ocupam as mesmas cavidades.

O período de reprodução das araras-azuis começa no segundo semestre de cada ano e se estende até março do ano seguinte. No ciclo passado, em Miranda, distante 201 quilômetros de Campo Grande, 65% dos 52 filhotes que nasceram, sobreviveram até o último monitoramento, 4% foram predados, 4% encontrados mortos dentro do ninho e 26% desapareceram sem vestígios.

Padrinho - Durante o período reprodutivo da espécie, o padrinho acompanhará as novidades do ninho e outras informações relativas ao projeto, optando por batizar sua ave ao nascimento. Ele também receberá um kit de boas-vindas com foto exclusiva do ninho e sua divulgação no marketing da Campanha.

No ano passado, 45 ninhos foram apadrinhados por empresas, pessoas físicas e famosos como Ziraldo, Michel Teló, Almir Sater e Gabriel Sater, Carlos Saldanha, Chitãozinho e Cororó, Munhoz e Mariano e Luan Santana. Quem quiser aderir a segunda edição da campanha clique aqui.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions