A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

01/11/2016 13:30

Marquinhos descarta participação de vereadores na sua administração

Leonardo Rocha
Marquinhos Trad descartou vereadores eleitos ou que não se reelegeram, na sua administração (Foto: Leonardo Rocha)Marquinhos Trad descartou vereadores eleitos ou que não se reelegeram, na sua administração (Foto: Leonardo Rocha)

O prefeito eleito, Marquinhos Trad (PSD), descartou indicar vereadores que foram eleitos ou não se reelegeram na eleição deste ano, para compor sua administração. Ele ponderou que as escolhas seguirão critérios técnicos e que os novos secretários devem ser anunciados em dezembro.

Veja Mais
A pedido de Marquinhos, Câmara cria grupo para acompanhar transição
Marquinhos se reúne com vereadores para discutir apoio e orçamento 2017

Na coligação de Marquinhos foram eleitos: Hederson Fritz Morais (PSD), Pastor Jeremias Flores (PT do B), Wiillian Maksoud (PMN) e Vinícius Siqueira (DEM), assim como Chiquinho Telles (PSD) e Otávio Trad (PTB), que conseguiram a reeleição.

Já os vereadores Ademar Vieira Junior, o Coringa (PSD), Edil Albuquerque (PTB), Edson Shimabukuro (PTB), Francisco Luis Saci (PTB) e Waldecy Batista Nunes, o Chocolate (PTB), não foram reeleitos. "Não vamos chamar", disse Marquinhos, no final da sessão na Assembleia.

Questionado sobre o ex-vereador Delei Pinheiro (PSD), que foi cassado por compra de votos, o prefeito eleito também negou a participação na sua gestão. Marquinhos já tinha declarado que os seus secretários podem até ser políticos, mas precisam ser quadros técnicos.

Ele já anunciou a criação de duas secretarias, uma para cuidar de direitos das pessoas com deficiências e outra sobre assuntos fundiários. Para o quadro administrativo, adiantou que a vice-prefeita eleita, Adriane Lopes (PEN), vai participar.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions