A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

31/07/2018 09:17

Acusado de matar homem esfaqueado nas Moreninhas vai a júri

Segundo Natanael, a vítima teria o xingado e partido para cima dele com uma faca, ele conseguiu tomar a arma e desferiu diversos golpes contra o homem

Bruna Kaspary
Wislley foi encontrado em uma rua de chão com diversos ferimentos de faca (Foto: Arquivo/Marcos Ermínio)Wislley foi encontrado em uma rua de chão com diversos ferimentos de faca (Foto: Arquivo/Marcos Ermínio)

Vai a júri hoje (31) o acusado de ter matado a golpes de faca Wislley Marquezolo, de 28 anos, no bairro Moreninhas, em maio de 2016. Na época, Natanael Francisco de Pinho afirmou que o jovem teria o xingado e partido para cima dele com uma faca na mão, e para se defender, ele tomou a arma e passou a golpeá-lo.

Natanael foi preso um mês depois do crime, e confessou que desferiu diversos golpes contra Wislley, que ele disse ser um desconhecido na época dos fatos. Aos policiais, ele disse que tinha passado parte do dia bebendo e dançando em um bar e quando saiu, por volta das 22h30 um homem, que ele não conhecia, passou por ele, o xingou e lhe deu um chute na perna.

Ainda de acordo com ele, Wislley pegou uma faca e tentou atingi-lo, e para se proteger, Natanael teria dado um chute na barriga da vítima, que caiu no chão. Em seguida, ele pegou a faca e desferiu quatro golpes nele, que levantou e voltou a tentar agredir ele.

Wislley teria fugido e Natanael foi atrás dele, o derrubando novamente e desferido mais três golpes, jogando a faca em um canteiro em seguida. A vítima foi socorrida, mas morreu antes de chegar a um hospital

O acusado está sendo julgado por Homicídio duplamente qualificado, por meio cruel e por motivo fútil.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions