A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

17/12/2012 19:00

Queda de árvores traz transtorno e prejuízos para moradores e comerciantes

Viviane Oliveira
A árvore danificou um padrão de energia e o layout da cafeteria.  (Foto: Simão Nogueira)A árvore danificou um padrão de energia e o layout da cafeteria. (Foto: Simão Nogueira)
A árvore caiu em cima do muro. (Foto: Simão Nogueira)A árvore caiu em cima do muro. (Foto: Simão Nogueira)

A Chuva com ventos nesta segunda-feira (17) provocou a queda de duas árvores em Campo Grande, uma no comércio na rua Marechal Rondon, e outra em cima de um muro no bairro Jockey Club. Além do prejuízo, a queda das árvores trouxe prejuízos e causou transtornos para moradores e comerciantes. 

Uma árvore de grande porte caiu por volta das 11h em frente a uma cafeteria, na Marechal Rondon com a 13 de Junho. O proprietário, Diego Portela, 31 anos, relata que com a queda da árvore o padrão e o layout do comércio ficaram danificados, além do local ficar por várias horas sem energia.

“Há quatro anos na inauguração da cafeteria pedi para a Prefeitura fazer a retirada de três árvores, eles autorizaram apenas a poda de uma, reclama.

Ainda sem estimar o valor do prejuízo, o empresário disse que pretende ir atrás dos seus direitos. “Estou esperando um eletricista para ver se precisa trocar de padrão. Espero que a energia seja restabelecida o mais rápido possível por causa do estoque que é todo refrigerado, além disso, estou desde às 11h sem atender”, lamenta.

Do outro lado, na rua das Hortênsias, no bairro Jockey Club, um pé de ingá de 37 anos caiu em cima de um muro. A árvore caiu pela raiz causando transtorno para a moradora, Nilsa Ferreira, 54 anos.

“Na hora que caiu fez um barulho muito alto. Eu achei que tivesse acontecido uma batida entre veículos, por sorte ela não atingiu o fio de energia elétrica e nem a casa do vizinho”, conta.

Apesar de ter chovido e ventado o dia inteiro, o meteorologista da Uniderp/Anhanguera, Natálio Abrahão Filho, disse que a média do chuva deste mês está bem abaixo do esperado.

Segundo o meteorologista, a média esperada para dezembro é de 210 milímetros. Até agora choveu pouco mais 55 milímetros. No dia 21 está prevista uma frente fria que chega ao sul do Estado na mudança da estação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions