A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

23/11/2012 07:29

Rapaz acusa segurança de boate de agredi-lo por ser homossexual

Francisco Júnior

Um rapaz de 21 anos acusa um segurança do bar Bodega, em Campo Grande, de tê-lo agredido por ser homossexual na madrugada desta sexta-feira (23).

O rapaz relatou na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro que estava no bar quando o segurança pediu que ele o acompanhasse até o banheiro. No local, a vítima relata que o autor o ofendeu dizendo “vem aqui seu viadinho”, vou lhe ensinar a não falar mais mal de ninguém”.

Em seguida, o rapaz conta que foi imobilizado por outro segurança enquanto o autor lhe agredia com socos e chutes.
Depois das agressões, a vítima relata que foi ameaçado pelo agressor.

O caso foi registrado como lesão corporal. O bar ainda não se manifestou sobre o assunto.

Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...
Universidade do MS recebe certificação de excelência em gestão
Será recebida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) em solenidade que acontece na próxima segunda-feira (18) o certificado de excelência em ges...
Águas Guariroba continua com campanha de renegociação de dívidas
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...
Prefeitura e TJ prorrogam renegociação de dívidas ajuizadas até 3ª
O programa de refinanciamento de dívidas da Prefeitura de Campo Grande foi prorrogado até o dia 19 de dezembro, a próxima terça-feira, no Centro de C...


OS SEGURANÇAS DESSA CASA SAO IRRESPONSAVEIS E DESPREPARADOS
COSTUMAN BATER EM BEBADOS E EM MULHERES JA PASSOU DA HORA DE ALGUEM FAZER ALGO Ñ SEI QUEM SE É OS SEGURANÇAS QUE SAO SAFADOS OU OS PROPRIETARIOS..
 
VALDEMIR COSTA em 23/11/2012 19:23:59
Campo Grande esta cada vez mais diversificada,e concordo com Lucimar dos Reis,faltam seguranças mais capacitados.Eu mesma já presenciei agressão homofóbica e tentei defender um amigo na época em uma casa noturna famosa aqui de CG de um certo segurança.Foi horrivel.Esses tipos de coisas são um absurdo!Falta capacitação e mente aberta nesses seguranças.
 
Isabela Branchet em 23/11/2012 14:41:15
Não estávamos lá pra saber o que aconteceu, mas acho engraçado as perguntas do tipo "o segurança fez isso a troco de que?". A troco de ser um preconceituoso intolerante, talvez? Mesmo que o rapaz agredido tenha dito algo que incomodou o segurança isso não lhe dava o direito de agredir fisicamente quem quer que seja.

E outra... Porque o agredido pode ter feito algo a troco de nada para gerar a agressão, mas a agressão em si precisa ter sido uma reação a algo que o agredido fez? É a velha mania de querer culpar a vítima!
 
Murilo Delmondes em 23/11/2012 13:05:02
Se essa atitude realmente ocorreu, foi um baita tiro no pé...
 
Helen Rangel em 23/11/2012 12:50:29
Muito me admira o Bodega um lugar recentemente reinaugurado com uma Performance dessa. É de assustar em. Imagina só, publico restrito?
Desde quando falar mal de alguém é coisa de "viadinho"?
Fico indignada com esse povo PRÉ CONCEITUOSO. #Revoltada
 
Kelly Onishi em 23/11/2012 12:22:44
Que a justiça seja feita, com esses seguranças que se acham mesmo os tais. Até quando vai o preconceito???
Cadeia pra eles...
 
Claudia oliveira em 23/11/2012 11:26:38
Bar chic é outra coisa , seguanças tão educados , parece primeiro mundo.
 
Paulo Lessa em 23/11/2012 10:47:19
Histórinha esquisita....os seguranças agrediram ele a troco de nada.....???
 
Paulo Bonsini em 23/11/2012 10:27:58
Sou frequentador de varias casas noturnas, mecho com eventos acredito que esse fato esta prescrito de uma maneira fora do normal, acredito também que hoje não a tipo de segurança que exerça esse extremo preconceito porém isso digride a imagem da casa noturna, acho que o segurança pode ter pedido algo a vitima que possa ter se sentido muito ofendido, mas não algo que envolve-se acreção corporal e insultos, ainda mais em um banheiro!!!
 
Paulo Rabelo em 23/11/2012 09:17:43
Esses seguranças são provalecidos e preconceituosos, eles precisam de capacitação para trabalhar com o público,o qual eles não têm. Eles se acham dono "do mundo",são pessoas pobres de espírito e sem preparação para a função. As empresas poderiam contratar pessoas qualificadas e não monstros como esses do "bodega". Sou contra a violência com as pessoas,ninguém têm o direito de descriminar qualquer pessoa,seja lá quem for.Precisa de punição a esses agressores para que eles passem a respeitar o ser humano.
 
Lucimar dos Reis em 23/11/2012 08:42:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions