A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/10/2009 17:44

Critério mais rígido para habitação deixa Marun alerta

Redação

Preocupado com a possibilidade de o governo federal adotar um critério mais rígido para a liberação de recursos para habitação, o secretário estadual Carlos Xavier Marun viaja para Brasília (DF) para uma reunião amanhã, às 9 horas, do Conselho Gestor do FNHIS (Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social). A mudança prejudicaria Mato Grosso do Sul, conforme explicou o secretário de habitação.

Conselheiro do FNHIS, Marun quer impedir a não flexibilização dos recursos federais, diante da informação de que o governo teria interesse de regulamentar à liberação do dinheiro através do critério único de déficit habitacional. Como o déficit habitacional em Mato Grosso do Sul é considerado pequeno (80 mil casas), a medida iria desacelerar a liberação de recursos para o Estado.

Hoje, o governo federal já usa o déficit habitacional como referencia, mas analisa os projetos um a um. "No PSH 2009, só para você ter uma idéia foram 200 mil moradias. Proporcionalmente, nós teríamos direito a apenas 1% ou 200 casas, mas conseguimos 4.000, número 20 vezes maior, porque apresentamos bons projetos", contou Marun.

"Vou colocar na reunião a minha preocupação de que recursos acabem reservados independente de bons projetos", afirmou.

Temer veta projeto sobre negociação coletiva no serviço público
O presidente Michel Temer vetou integralmente o Projeto de Lei nº 3.831/15, aprovado pelo Congresso Nacional, que estabelecia normas para a negociaçã...
UFMS divulga edital do vestibular para ingresso em cursos de graduação
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta segunda-feira (18), edital do processo seletivo do vestibular para ingresso em cu...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions