ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, DOMINGO  26    CAMPO GRANDE 18º

Interior

Preso com 229 quilos de droga, estudante de medicina alega inocência

Enfermeiro e acadêmico do 2º ano de medicina disse que foi contratado apenas para trazer caminhonete até Dourados

Por Helio de Freitas, de Dourados | 16/10/2019 10:38
Policial militar rodoviário retira droga do fundo falso de caminhonete apreendida hoje em Dourados (Foto: Adilson Domingos)
Policial militar rodoviário retira droga do fundo falso de caminhonete apreendida hoje em Dourados (Foto: Adilson Domingos)

O enfermeiro e estudante de medicina Afonso Rogério Barriquelo, 40, foi preso nesta quarta-feira (16) com 228 quilos de maconha e um quilo de pasta-base de cocaína. A prisão foi feita por policiais militares rodoviários na MS-612, no distrito de Picadinha, em Dourados.

Morador em Ponta Porã, Afonso negou saber da existência da droga no fundo falso instalado na carroceria da caminhonete F1000 prata, com placa e Mauá (SP). Foi preciso cortar a lata para retirar os 272 tabletes de maconha e o tablete de pasta-base, como mostra o vídeo abaixo.

A caminhonete foi parada em abordagem de rotina no posto da Polícia Militar Rodoviária. A MS-162 é caminho alternativo entre Ponta Porã e Dourados e uma das principais rotas do contrabando e tráfico na fronteira.

Quando vistoriavam a F1000 os policiais perceberam o fundo falso na carroceria. Afonso disse que foi contratado por R$ 500 para trazer a caminhonete de Ponta Porã até um posto de combustíveis em Dourados, sem saber, segundo ele, que havia droga na carroceria.

Aluno do segundo ano de medicina em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, Afonso disse que é formado em enfermagem e veio a Dourados para encaminhar o pedido de registro profissional do enfermeiro. Como tinha de vir à cidade, aceitou trazer a caminhonete, mas jura que não sabia da droga. (Colaborou Adilson Domingos)

Nos siga no Google Notícias