A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

12/08/2016 09:31

Preso suspeito de matar travesti campo-grandense no Paraná

Viviane Oliveira
Jeferson disse que no dia dos crimes estava bêbado e drogado. (Foto: André Almeida, de Maringá)Jeferson disse que no dia dos crimes estava bêbado e drogado. (Foto: André Almeida, de Maringá)

Suspeito de matar duas pessoas durante roubo em Maringá no Paraná, Jeferson Jonatan Pires, 32 anos, foi preso na tarde desta quinta-feira (11), na Avenida Londrina. Uma das vítimas foi o campo-grandense Cleidson João dos Santos, 24 anos, travesti conhecida como Thiemy Oliveira.

Jeferson estava escondido em uma mata no Bairro Sarandi, mas quando foi preso caminhava pela rua. Ele não reagiu a prisão e pediu perdão aos policiais. Ainda estão foragidos os outros dois suspeitos, Edneu Sampaio da Silva, 27 anos, e Éder Scorpioni, 20 anos.

O rapaz preso confessou os dois crime e disse que estava bêbado e drogado. Segundo a polícia, as vítimas não reagiram ao assalto. 

Crime - A travesti estava na rua, quando foi surpreendida por três homens em veículo Monza azul. Um deles, Jeferson, armado com uma faca, desceu do carro, anunciou assalto e em seguida esfaqueou a vítima.

A jovem foi morta com um golpe de faca, que foi dá barriga até a região do peito. Em seguida, o bandido entrou no carro e fugiu com os dois comparsas. Eles foram para a Rua Brasil, onde abordaram e mataram o tratorista Roberto Aparecido de Souza, 41 anos, também durante roubo.

A campo-grandense estava morando em Maringá há pouco mais de seis meses. A prisão de Jeferson foi realizada por policiais. A prisão de Jeferson foi realizada por policiais da 9º subdivisão de Polícia Civil de Maringá.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions