A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

09/06/2013 12:28

Dono de torneio de futebol americano, filho de Lula aprova estreia na Capital

Nyelder Rodrigues
Jogo na tarde de ontem no Morenão. (Foto: João Garrigó)Jogo na tarde de ontem no Morenão. (Foto: João Garrigó)

Como já diz o ditado, é o olho do dono que engorda o gado. O principal investidor em futebol americano do país, Luís Cláudio Lula da Silva, o Lulinha (filho do ex-presidente Lula), acompanhou “in loco” na Capital o jogo deste sábado (8) entre Campo Grande Gravediggers e Flamengo, no estádio Morenão.

A partida foi a estreia de ambas as equipes na 5ª edição do Torneio Touchdown – que Lulinha é diretor geral – e terminou em 52 a 7 para os cariocas. O Flamengo faz sua primeira temporada em 2013, enquanto o Campo Grande Gravediggers entrou na competição no ano passado.

Para ele, a temporada 2013 da competição começou com o pé direito, atraindo a atenção dos amantes do futebol americano e de outras pessoas que ainda não conhecem o esporte. “O público até aqui é maior que o do ano passado”, comentou Luís Cláudio, que também ressaltou o trabalho de divulgação feito pelos times que integram o torneio.

No jogo de sábado no Morenão, o público presente foi de 623 pagantes e 70 não pagantes, totalizando 693 pessoas. O número é maior que a média de público da Série A do Estadual 2013, que chegou a 644, de acordo com a Pluri Consultoria.

A presença da torcida agradou o diretor geral do campeonato. Questionado se a presença de equipes que carreguem o nome de times tradicionais de futebol ajuda a atrair ainda mais a atenção, ele confirmou, mas disse que a situação deve ser tratada com cuidado.

“Tem esse lado bom desse relacionamento, mas tem que tomar cuidado para não atrair também as brigas que há no futebol. O público não pode ser esse, o ambiente tem que ser mais familiar”, comentou Lulinha.

Luís Cláudio Lula da Silva é diretor geral do Torneio Touchdown, e acompanhou a estreia entre Flamengo e Gravediggers neste sábado em Campo Grande (Foto: Ricardo Stuckert)Luís Cláudio Lula da Silva é diretor geral do Torneio Touchdown, e acompanhou a estreia entre Flamengo e Gravediggers neste sábado em Campo Grande (Foto: Ricardo Stuckert)

Luís Cláudio é sócio, ao lado de dois amigos, da empresa de marketing esportivo que detém 90% dos direitos do Torneio Touchdown. Antes de investir nessa área, ele foi preparador físico do Palmeiras, Corinthians, Santos e São Paulo.

O criador e detentor de 10% do evento, o jornalista André José Adler era o organizador do evento com maior contato com o público e equipes. Porém, com a morte de Adler em 2012, Lulinha passou também a atuar mais diretamente na organização da liga, que é transmitida pela emissora de TV por assinatura Bandsports.

Em 2012, o Torneio Touchdown contou com 18 equipes, sendo que duas delas saíram. Porém, outras quatro novas entraram, aumentando o total para 20 times na disputa. O Gravediggers disputa na conferência George Halas, ao lado do Corinthians Steamrollers, Flamengo, Botafogo Challengers (Ribeirão Preto-SP) e Uberlândia Lobos (MG).



Apesar da derrota!!! Conseguimos algo novo para o esporte sul-mato-grossense, um publico muito bom. Ficamos felizes com a presença de todos que prestigiaram o jogo, quem torceu contra quem torceu a favor, mas foram e viram como funciona!
Dia 31/08/2013 tem mais em Campo Grande.
Go Go Go Diggersssssss...
 
Jorge Rodrigo em 10/06/2013 08:53:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions