A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

14/12/2010 15:08

Título Interno

Angela Kempfer

Sub-Título

Foto: Jornal Zero HoraFoto: Jornal Zero Hora

O Internacional do Rio Grande do Sul está fora da final do Mundial de Clubes. Os brasileiros perderam para o Mazembe, da República Democrática do Congo, por 2 a 0.

O Inter entrou em campo como favorito, nesta terça-feira, no estádio Mohammed Bin Zayed, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

Na semifinal da competição, o Mazembe surpreendeu e conseguiu chegar pela primeira vez à decisão do torneio, que vai disputar o título com quem vencer a partida entre Inter de Milão e Seongnam, da Coreia do Sul, que se enfrentam na quarta-feira.

Hoje, o técnico do time colorado, Celso Roth, repetiu a mesma formação dos últimos treinamentos, com Nei, Bolívar, Índio e Kleber na defesa.

Com menos de um minuto, Rafael Sóbis teve a primeira chance, mas bateu por cima. Aos dez, Alecsandro cruzou rasteiro e Sóbis pegou de primeira, mas o goleiro Kidiaba começou a atrapalhar o sonho colorado.

O time gaúcho voltou a assustar em cabeçadas de Índio e Tinga. O domínio do Inter, no entanto, foi diminuindo com o tempo e o time não voltou a levar perigo ao gol congolês na primeira etapa.

Foto: Jornal Zero HoraFoto: Jornal Zero Hora

Na volta do intervalo, com 30 segundos, Kaluyituka recebeu na entrada da área e bateu rasteiro, à esquerda. Aos oito, o time congolês abriu o placar: Kabangu recebeu na área, dominou sem ser importunado pela defesa e bateu com estilo, no canto esquerdo de Renan.

Em desvantagem, o técnico Celso Roth decidiu mexer na equipe, trocando Tinga e Alecsandro por Giuliano e Leandro Damião. O Inter foi para cima e, aos 20, Rafael Sóbis cabeceou livre, por cima. Logo depois, Giuliano entrou na área e chutou forte, mas Kidiaba evitou o empate na sua melhor defesa na partida.

A definição veio aos 40 minuntos, Kaluyituka pedalou na frente de Guiñazu e bateu da entrada da área, no canto direito de Renan.

Em 2006, o colorado conquistou o título ao ganhar do Barcelona por 1 a 0.

(informações do jornal Zero Hora)



O inter é um time fraco, demostrou isso no campeonato gaúcho quando perdeu pro Grêmio do técnico Silas que era um time fraco, no campeonato brasileiro ficou longe de brigar por qualquer coisa, só tem vaga na libertadores 2011 pelo titulo de 2010, titulo esse conquistado em uma competição ridicula, fraca como nunca, tendo o são paulo como unico adversário de respeito, não fosse a parada da copa do mundo e os gols espiritas, o inter jamais teria chegado a este titulo, o resultado disso, e o que confirma o que eu disse é justamente essa vergonha estampada na matéria, o inter é o primeiro time, sulamericano ou europeu, fora da final do mundial de clubes, a realidade esta voltando, o inter torna a ser uma equipe de segunda linha, 2011 vem aí para provar tudo e devolver ao inter o titulo de segundo maior do sul.
 
Tiago Santi Grasel em 15/12/2010 12:24:05
PELO MENOS O COLORADO ,,TAVA LAPARA DISPUTAR ESSE TITULO,,,,E OS OUTROS GRDS TIMES,,ONDE ESTAVAM HEIM?????
 
PAULO COLORADO em 15/12/2010 12:13:29
Isso q da menosprezar o adversário, hoje em dia n existe mais time bobo nem mesmo time africano.
 
ricardo jacquet em 15/12/2010 02:09:57
o time do internacinal não devia ter nem ganhado a libertadores da america pois o inter ao longo do campeonato se mostrou um time fraco só ganhou libertadores porque o são paulo teve que parar para a copa do mundo, e depois ganhou a libertadores de um time que estava desmotivado porque não podia disputar o mundial e ainda tomou um sufoco do time mexicano.
time que entra de salto alto só perde isso é um fato confirmado.
 
humberto petronio de oliveira em 14/12/2010 05:48:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions