A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

06/10/2010 10:47

Campanha vai alertar sobre prejuízos da corrupção em MS

Redação

O movimento liderado pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em Mato Grosso do Sul que pede as investigações das denúncias de corrupção envolvendo os poderes Legislativo, Executivo, Judiciário e o Ministério Público Estadual do Estado decidiu hoje, após reunião realizada na sede da entidade, fazer uma campanha chamando a atenção da população para os prejuízos que o País sofre com os casos de corrupção.

"Corrupção mata" será a assinatura da campanha, segundo informou o presidente da OAB no Estado, Leonardo Duarte. Segundo ele, o lema tem significados práticos, em relação aos dinheiro que a corrupção tira de setores essenciais, como a saúde e a segurança, e ainda subjetivo. "A corrupção mata as esperanças, mata os sonhos dos brasileiros".

A comissão criada pela OAB para acompanhar as denúncias se reuniu esta manhã com representantes de entidades classistas que apóiam o movimento. Durante o encontro, foi feita uma avaliação das providências que já estão sendo tomadas e das próximas ações a serem encaminhadas pelo grupo.

Foi apresentado um balanço das ações em uma semana, o que deve se repetir periódicamente. O presidente da OAB destacou entre as ações as visitas que foram feitas a representantes do MPF (Ministério Público Federal) e MPE (Ministério Público Estadual), em que foi reforçado o pedido de investigação e punição aos denunciados, e requisitados os documentos referentes às apurações.

Duarte disse que, em relação a isso, já houve resposta positiva do MPE. A comissão também se reuniu com o superintendente da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul, José Rita Martins Lara. "Vamos acompanhar todas a apurações e exigir que tudo seja tornado público, e, além disso, que haja punição dos culpados".

O presidente da OAB considera que a participação de outras entidades e conselhos de classe nos trabalhos da Comissão dá mais clareza e lisura. "A Comissão e as demais entidades têm se reunido com os órgãos responsáveis pelas investigações das denúncias para que a população não fique sem respostas sobre o que realmente aconteceu. A OAB/MS e a sociedade tem pressa nos esclarecimentos dos fatos", disse.

Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...
TRE realiza plantão para cadastramento biométrico neste sábado na Capital
O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) realiza neste sábado mais um plantão para atender eleitores de Campo Grande que ainda nã...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions