A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Julho de 2018

14/10/2010 13:49

Delcídio quer PMDB de Mato Grosso do Sul apoiando Dilma

Redação

O senador Delcídio do Amaral (PT) disse ontem que está trabalhando para trazer políticos de todos os partidos para a campanha de Dilma Rousseff (PT). Ele defende uma aliança suprapartidária em Mato Grosso do Sul, inclusive com o PMDB, a favor da ex-ministra. A declaração foi feita durante encontro político na sede da Sociedade Vicentina, em Campo Grande.

"Não há mais justificativa que leve o PMDB de Mato Grosso do Sul a apoiar o Serra. O PMDB nacional está com a Dilma. O Michel Temer é vice da Dilma. Portanto, o PMDB do nosso estado tem que estar com a Dilma. E não temos que nos intimidar. As disputas regionais prevaleceram até o dia 3 de outubro. Agora a disputa é nacional", afirmou.

No entanto, a cúpula do PMDB de Mato Grosso do Sul optou por continuar dando apoio a José Serra (PSDB) neste segundo turno.

Apenas quatro lideranças peemedebistas apóiam Dilma Rousseff no estado: o prefeito Nelsinho Trad, o vice Edil Albuquerque, o deputado federal Geraldo Resende e o presidente da Câmara de Campo Grande, Paulo Siufi.

Delcídio disse que já começou a procurar os prefeitos, independente dos partidos aos quais são filiados, para apoiarem a candidata petista. "Esse é o desafio. Temos que botar a cara, assumir o papel de protagonista e a participação de todos é importante", afirmou.

Ele também defendeu a união do PT em torno da candidata. "O caminho correto é o PT seguir uma única direção, com os partidos aliados, trabalhando pela eleição da Dilma. Nós, como dirigentes e lideranças partidárias, temos que ter essa responsabilidade", afirmou.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions