A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Abril de 2018

20/10/2010 16:24

Denúncia da CPI contra Ari Artuzi tem 5.000 páginas

Redação

O documento produzido pela CPI da Saúde é um calhamaço de 5.000 páginas acusando o prefeito afastado de Dourados, Ari Artuzi (sem partido), de má gestão e desvio de dinheiro público.

De acordo com o site Dourados Agora, o documento será disponibilizado à defesa de Artuzi, que terá 10 dias para rebater as informações.

Presidente da Comissão Processante da Câmara, o vereador Elias Ishy (PT) disse àquele site que os desvios de dinheiro provocaram um caos no sistema de saúde e foram responsáveis por mortes.

A denúncia foi feita com base em depoimentos e em auditorias que foram "uma verdadeira devassa" nos contratos da Secretaria de Saúde. A auditoria abrangeu o período 2007-2010.

Para Elias Ishy, um dos indícios de irregularidades que mais chamam a atenção no relatório é o fato de um único veículo ter consumido 40 litros de combustível por dia.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions