A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

30/06/2016 11:36

Diretores do Hospital de Câncer vão à Assembleia explicar situação da unidade

Prestes a fechar, instituição busca ajuda do governo e Município

Mayara Bueno e Leonardo Rocha

A Assembleia Legislativa vai receber representantes do Instituto de Prevenção Antônio Morais dos Santos, unidade do Hospital de Barretos, em Campo Grande, em uma reunião às 14 horas, nesta quinta-feira (30). A intenção é a instituição apresentar à Comissão de Saúde da casa de leis a situação da unidade, que está prestes a fechar.

Segundo a presidente do colegiado, a deputada Mara Caseiro (PSDB), os representantes do hospital vão apresentar quais os procedimentos realizam e também explicar a questão financeira. A unidade alega que precisa de ajuda financeira do Poder Público.

Para impedir que a unidade feche, o MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) está intermediando por meio de um inquérito civil, que vai apurar se as secretarias de Saúde do Estado e de Campo Grande têm condições de auxiliar.

Dificuldades - Considerando a necessidade do serviço, em razão do alto índice de câncer de mama e de colo de útero no Estado de Mato Grosso do Sul, bem como em decorrência da cobertura dos serviços não alcançar a meta de 70%, recomendada pelo Ministério da Saúde, a promotora instaurou o inquérito.

A previsão para este ano do risco a nível nacional de incidência de câncer do colo do útero é de 15,85% em cada cem mil mulheres, sendo que em MS é de 26,73%. Já o risco Brasil para o câncer de mama é de 56,20% num grupo de cem mil mulheres e em Mato Grosso do Sul 62,23%.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions