A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

04/07/2013 07:58

Figueiró critica Dilma e diz que reforma política é "desculpa" para protestos

Leonardo Rocha
Senador diz que presidente se agarrou a primeira sugestão que teve sobre reforma política (Foto: divulgação)Senador diz que presidente se agarrou a primeira sugestão que teve sobre reforma política (Foto: divulgação)

O senador Rubens Figueiró (PSDB) afirmou em rede social que a presidente Dilma Rousseff (PT) só está promovendo a reforma política para responder os protestos e manifestações da população, que na realidade pediam melhorias nos serviços públicos. De acordo com ele, a presidente se “agarrou na primeira sugestão que teve” para mostrar disposição e trabalho.

O senador destacou que tanto a proposta de assembleia constituinte específica, como a convocação de um plebiscito não são as melhores opções para questão. Figueiró apontou que o Congresso Nacional já demonstrou que segue a opinião pública quando esta se manifesta. Ele lembrou da extinção da PEC 37, que retirava do MPE (Ministério Público Estadual) o poder de investigação, a redução nas tarifas de ônibus e a transformação da corrupção em crime hediondo.

“Dilma usa a reforma política como desculpa para a inação do Executivo em relação ao verdadeiro clamor dos manifestantes”, afirmou. O tucano ainda apontou que existem vários projetos de reforma e que se o governo federal quisesse mobilizava sua base e aprovava a proposta. “É só uma ação diversionista para distrair a opinião pública. Nós aqui estamos fazendo o nosso trabalho”, declarou.

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...


Por que será que esse SEnador tem medo do plebiscito? Ah, já sei...porque ele e os que se opôem tem medo de perder seus privilégios.

Ora, se o povo saiu às ruas para exigir melhoras nos serviços públicos, isso inclui na esfera federal também profundas mudanças nas leis e mudança na postura dos senhores senadores e deputados federais da oposição, que falam falam e falam...mas na hora de votar o que é bom para o Brasil, eles votam contra. Nas esperas estaduais e municipais também. Ou seja, o governo federal não pode fazer tudo sozinho, porque os congressistas, governadores e prefeitos também tem que cumprir seu papel.

Senador Figueró é só mais um oposicionista ao governo federal que não quer plebiscito porque não quer perder privilégios e ainda quer manipular os desavisados.
 
Marta Santos em 04/07/2013 09:07:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions