A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

21/10/2010 21:17

Habeas corpus é revogado e secretário de obras preso

Redação

Outro pedido de liberdade foi revogado hoje pelo TJ/MS (Tribunal de Justiça). Desta vez contra o ex-secretário municipal de Obras de Dourados, Dilson Cândido de Sá. Por conta da decisão ele deverá ser reconduzido à prisão.

Dilson foi preso durante a Operação Uragano, deflagrada em setembro pela Polícia Federal. Contudo, no dia 14 do mesmo mês, ele acabou sendo solto por meio do habeas corpus, negado nesta quinta-feira.

Hoje, o TJ/MS também revogou a liberdade da ex-secretária de Finanças e Receita de Dourados, Ignes Boschetti Medeiros, que retornará à prisão.

Ambos os julgamentos foram realizados pela 1ª Turma Criminal nesta tarde, sob a relatoria do desembargador Dorival Moreira dos Santos, cujo voto foi aceito por unanimidade.

Foram mantidas nesta tarde pela 1ª Turma as prisões do vice-prefeito Carlinhos Cantor (PR) e dos vereadores Humberto Teixeira Júnior (PDT) e Sidlei Alves (DEM).

A 1ª Turma decidiu ainda que o ex-secretário de Serviços, Cláudio Hall, também continuará na prisão.

Assembleia recebe prestação de contas e fará limpeza de pauta antes do recesso
A última semana de trabalho do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul em 2017 será aberta com a audiência pública para prestação de contas do govern...
Assembleia vota prorrogação de adesão a fundo que regula incentivos fiscais
A prorrogação até 30 de dezembro do prazo para que empresas beneficiadas com incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado se inscrevam no Fad...
Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions