A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

06/10/2010 15:34

Juiz-prefeito aguarda comunicado para repassar cargo

Redação

O juiz Eduardo Machado Rocha, que assumiu a prefeitura de Dourados no dia 3 de setembro, após prefeito, vice-prefeito e nove vereadores serem presos pela operação Uragano, informou que está aguardando ser notificado oficialmente pelo TJ (Tribunal de Justiça) da decisão que rejeitou, hoje, o pedido para que ele fosse mantido no cargo.

Com a decisão do Tribunal, a vereadora Délia Razuk (PMDB), presidente da Câmara de Vereadores, vai assumir o cargo. A vereadora é quem vai decidir quando será a posse, conforme o magistrado.

O juiz diz que Délia Razuk, cuja posse está sendo aguardada há alguns dias, já está se inteirando da administração e tomando parte das decisões.

Ele citou como exemplo a nomeação da secretária de Saúde Denise Nemirovski. "Ela já está participando das decisões mais importantes".

Délia Razuk é uma das únicas parlamentares que não foi envolvida nas denúncias de pagamento de mensalão aos vereadores de Dourados e foi eleita presidente da Câmara após a prisão do ex-presidente, Sidlei Alves.

Além de Sidlei, os outros dois na linha de comando para a prefeitura estão atrás das grades: o prefeito afastado Ari Artuzi (expulso do partido) e o vice-prefeito Carlinhos Cantor.

O vice-prefeito foi afastado ontem do cargo, junto com outros nove vereadores, o que afasta o risco de que reivindicasse o cargo de prefeito.

O juiz diz que a Délia Razuk, cuja posse está sendo aguardada já há alguns dias, já está participando de algumas decisões

Surpresa - O juiz comentou que os 33 dias em que administrou a prefeitura se revelaram uma surpresa para ele próprio. "Eu nunca fui político e consegui administrar a cidade. A cidade estava parada e conseguimos fazer funcionar", diz, reiterando que não quer no futuro disputar nenhum cargo eletivo.

A vereadora está neste momento dando posse aos 9 suplentes convocados para assumir a vaga dos que foram afastados por decisão judicial.

Marun ainda quer votar relatório da JBS antes de posse no ministério
Na véspera de ser empossado como ministro da Secretaria de Governo, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS), relator da Comissão Parlamentar Mista de Inqué...
Senado aprova R$ 1,9 bi a estados para compensar desoneração de exportações
Após suspender a sessão do Congresso Nacional, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), retomou os trabalhos do plenário da Casa com o obj...
Temer discutirá data de votação da reforma da Previdência nesta quinta
O anúncio do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), de que a votação da proposta de reforma da Previdência ficará para fevereiro causou r...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions