A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

27/06/2013 11:51

Relator da CPI da Assembleia falta reunião em função das eleições suplementares

Leonardo Rocha
Mochi destaca que Marquinhos Trad irá substituí-lo por estar mais informado sobre Campo Grande (Foto: Arquivo)Mochi destaca que Marquinhos Trad irá substituí-lo por estar mais informado sobre Campo Grande (Foto: Arquivo)

O relator da CPI da Saúde da Assembleia, o deputado estadual Junior Mochi (PMDB), não irá participar da reunião da comissão, que acontece hoje à tarde na Casa de Leis, porque irá viajar a Bela Vista, para se dedicar as eleições suplementares. Os deputados irão ouvir o secretário municipal de saúde, Ivandro Correa Fonseca, que irá relatar a situação da saúde em Campo Grande.

De acordo com o Mochi, a sua ausência já foi comunicada a comissão em função das proximidades da eleição fora de época. “O deputado Marquinhos Trad (PMDB) irá me substituir, ele está mais informado sobre a situação da Capital do que eu, por isso sua participação é tão importante”, explicou ele.

O peemedebista ainda ressaltou que o secretário poderá oferecer um “diagnóstico” sobre o município, apesar de estar apenas a seis meses na administração. “Ele vai trazer a documentação necessária e apresentar as condições da saúde em Campo Grande, poderá contribuir para investigação”, destacou.

A CPI da Assembleia é formada pelos deputados Amarildo Cruz (PT), presidente, Junior Mochi (PMDB), relator, Maurício Picarelli (PMDB), Onevan de Matos (PSDB) e Lauro Davi (PSB). Eles investigam o repasse de recursos do SUS (Sistema Único de Saúde) a unidades de saúde de Mato Grosso do Sul nos últimos cinco anos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions