A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

06/10/2010 08:23

Suplentes de vereador tomam posse esta tarde em Dourados

Redação

Os seis suplentes de vereadores afastados pela Justiça em Dourados devem tomar posse hoje, no fim da tarde. A cerimônia ocorrerá na sala de reuniões da Casa.

O TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) determinou ontem o afastamento por 90 dias de 9 vereadores e do vice-prefeito da cidade, Carlinhos Cantor (PR), indiciados como participantes de um esquema de desvio de dinheiro público, investigado pela Operação Uragano.

Os vereadores e o vice-prefeito continuarão recebendo salário. Para os vereadores, o valor é de R$ 6,6 mil, e R$ 9,9 mil do vice-prefeito. O afastamento deles pode ser prorrogado, segundo o despacho do desembargador.

Depois de serem filmados recebendo propina da prefeitura de Dourados, foram afastados os vereadores Zezinho da Farmácia (PSDB), Aurélio Bonatto (PDT), Júnior Teixeira (PDT), Marcelo Hall (PR), Marcelo Barros (DEM), Tio Júlio (PRB), José Carlos Cimatti (PSB), Paulo Henrique Bambu (DEM) e o ex-presidente, Sidlei Alves (DEM).

Os ofícios para os afastados e a convocação dos suplentes estão sendo encaminhados hoje de manhã pela Secretaria da Câmara. No fim da tarde deve ocorrer a posse e, na próxima quarta-feira o juramento dos novos vereadores.

Albino Mendes (PR), que já está no lugar de Júnior Teixeira, Cemar Arnal (PDT), que ficou com a vaga de Marcelo Hall, e Cido Medeiros (DEM), substituto de Bambu, permanecem em suas funções.

Tomam posse hoje à tarde Walter Hora (PPS), Juarez Amigo do Esporte (PRB), Pedro Pepa (DEM), Alan Guedes (DEM), Elias Ishy (PT), e Alberto Alves dos Santos (PDT), o Bebeto. Eles ocupam as vagas, respectivamente, de Zezinho, Tio Júlio, Marcelo Barros, Sidley, Cimatti e Bonatto. Os afastados ainda podem recorrer da decisão.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions