A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

30/03/2015 10:59

Com 164 detentos do semiaberto nas ruas, PM faz operação contra o crime

Policiais visitam casa e trabalho de internos em Dourados para verificar se eles estão cumprindo regras do indulto

Helio de Freitas, de Dourados
Presídio semiaberto de Dourados, de onde 164 detentos vão sair até o dia 7 de abril para o indulto de Páscoa (Foto: Eliel Oliveira)Presídio semiaberto de Dourados, de onde 164 detentos vão sair até o dia 7 de abril para o indulto de Páscoa (Foto: Eliel Oliveira)

A Polícia Militar reforçou o efetivo nas ruas de Dourados, a 233 km de Campo Grande, para tentar evitar o aumento dos crimes em decorrência da saída temporária de 164 detentos do presídio semiaberto beneficiados pelo indulto de Páscoa. Além de mais equipes nas regiões de maior ocorrência de crimes, os policiais vão até a casa e o local de trabalho dos internos para verificar se eles estão cumprindo as normas estabelecidas na lei que os beneficia com o indulto.

Veja Mais
Bandidos provocam acidente e atiram contra vítima em tentativa de roubo
Caixa de posto é baleado em troca de tiros durante roubo no Tiradentes

Conforme o comando da PM, quando ocorre a saída de um grande número de internos do semiaberto beneficiados pelo indulto sempre tem aumento de três crimes: o roubo e furto de veículos e o furto em residências, já que no período de feriado prologando muitas pessoas viajam.

“Convocamos policiais de folga para o trabalho e colocamos o pessoal do serviço administrativo nas ruas para reforçar o policiamento, para tentar evitar esses crimes quando possível e prender os criminosos que infringirem a lei”, afirmou ao Campo Grande News o tenente-coronel Carlos Silva, comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar.

A primeira turma, de 80 internos, saiu na semana passada e volta hoje para o presídio semiaberto. O outro grupo sai no dia 7 e fica em liberdade até o dia 14 de abril.

Carlos Silva informou que neste fim de semana o número de crimes foi alto na segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul, mas ainda não é possível afirmar que isso tenha ocorrido em função da saída temporária dos detentos. “Foram vários crimes, entre eles o roubo de uma caminhonete e sequestro de uma família liberada na estrada para Ponta Porã, roubo da moto de um soldado do Exército, mas nossa resposta também foi à altura e desmantelamos duas quadrilhas”, informou.

Fichados – Para tentar desencorajar os internos do semiaberto a cometerem crimes, a Polícia Militar está fazendo a vigilância permanente daqueles beneficiados pelo indulto de Páscoa. De posse de uma lista com nome, foto, telefone, endereço da residência e local de trabalho, os policiais vão até esses locais para verificar se os internos estão lá nos horários determinados.

“Não é obrigação da Polícia Militar fazer esse tipo de fiscalização, mas assumimos essa responsabilidade e estamos fazendo, sem nenhum tipo de pressão ou coação. A equipe verifica as informações e faz um boletim de atendimento. Se o interno estiver descumprindo as normas, encaminhamos o caso para o Ministério Público”, explicou Carlos Silva.

Apoio da população – O comandante da PM em Dourados disse que a população tem colaborado de forma mais intensa com o trabalho da polícia. Segundo ele, esse apoio é importante para prender suspeitos antes que o crime ocorra, e para chegar aos acusados após o delito.

“Um exemplo desse apoio ocorreu nesses dias, quando uma pessoa ligou para a Polícia Militar informando que dois suspeitos rondavam uma casa. Uma equipe foi ao local, abordou os suspeitos e pode ter evitado um crime”, afirmou o tenente-coronel.

O tenente-coronel Carlos Silva, comandante da PM em Dourados (Foto: Divulgação)O tenente-coronel Carlos Silva, comandante da PM em Dourados (Foto: Divulgação)
Bandidos provocam acidente e atiram contra vítima em tentativa de roubo
Bandidos atiraram contra o carro de um homem de 31 anos em tentativa de roubo ocorrida na madrugada de hoje (30), na região das Moreninhas II, em Cam...
Caixa de posto é baleado em troca de tiros durante roubo no Tiradentes
Um homem identificado apenas como William foi baleado durante roubo ao posto de combustíveis onde ele trabalha como caixa, no Bairro Tiradentes, em C...
Assaltantes levam dois carros e duas motos em onda de roubos na Capital
Ao buscar a cunhada no Bairro Universitário para levá-la até à casa da sogra, um homem de 33 anos não imaginava que seria uma das quatro vítimas de r...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions