A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

08/05/2015 10:43

Grupo de sem-terra bloqueia duas rodovias no 8º dia de protesto

Viviane Oliveira

Integrantes ligados ao MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-terra) bloqueiam nesta manhã (8) duas rodovias do Estado. A mobilização acontece na MS-487, em Naviraí, trecho que liga Mato Grosso do Sul a cidade de Icaraíma, no Paraná e o Km 25 da BR-163, na região de Mundo Novo. De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Estadual), os manifestantes permitem a passagem apenas de ambulâncias e de caminhões com cargas perecíveis. Eles interditaram as rodovias com pneus e madeiras.

Veja Mais
Após mais de 6h de bloqueio e 5 km de congestionamento, MST liberam tráfego 267
Sem-terra bloqueiam BR-267 por reforma agrária e fila chega a 5 km

O grupo reivindica a retomada da reforma agrária, parada há cinco anos, segundo os manifestantes. Eles pedem ainda um novo superintendente, reestruturação do Incra com novos concursos públicos, estrutura básica para os assentamentos, como água luz e estradas.

O protesto faz parte de uma série de ações que começou na sexta-feira (1), quando um grupo de 700 pessoas saiu em marcha de Anhanduí e chegou nesta quarta-feira (5) em Campo Grande. Desde quarta-feira (6), cerca de 400 integrantes de movimentos sindicais rurais ocupam a sede do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) em Campo Grande.

A "Marcha da Classe Trabalhadora" quer chamar a atenção contra a PEC 215, que pretende transferir do Governo Federal para o Congresso Nacional a responsabilidade pela demarcação de territórios indígenas e áreas quilombolas. A marcha também é contra o PL 4330, que é o projeto de lei da terceirização, e contra a redução da maioridade penal.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions