A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Abril de 2014

16/06/2011 14:24

Marielly pode ter escondido gravidez desde fevereiro, quando fez exame

Paula Vitorino

Colegas de trabalho já suspeitavam de gravidez e contam que a jovem era reservada

Praça Panamá, onde Marielly iria se encontrar com amigos.Praça Panamá, onde Marielly iria se encontrar com amigos.

Uma menina calma e reservada, sem costume de sair para festas ou fama de “namoradeira”. Segundo amigos, familiares e colegas de trabalho, esse era o perfil da jovem Marielly Barbosa Rodrigues, 19 anos, desaparecida no dia 21 de maio e encontrada morta no último sábado (11), em um canavial próximo a fazenda do município de Sidrolândia.

Mas a jovem sem inimigos ou motivos aparentes para fugir podia estar escondendo um segredo há vários meses. Segundo apurou a reportagem, um exame de gravidez foi feito pela garota no dia 28 de fevereiro em um laboratório na região central de Campo Grande.

O resultado do exame já estaria com a mãe e a Polícia Civil, que investiga o caso, desde o dia 23 de maio – dois dias após o desaparecimento.

Já de acordo com colegas de trabalho, as suspeitas de que Marielly estava grávida existiam desde meados de março. A garota sempre magra estava engordando, criando “barriguinha” e faltou por vários dias devido a problemas de enjôo e vômitos.

“Mas como tem essas viroses, achamos que deveria ser algo do tipo. Mas ela também começou a engordar, o corpo mudar e aí desconfiamos”, conta a advogada Thais Oliveira.

A garota foi questionada pelo chefe, o advogado Guilhermo Salazar, e pela colega de trabalho sobre estar grávida, mas em todas às vezes respondeu enfaticamente que não estava. Ela trabalhava há sete meses no escritório de advocacia como secretária.

“Ela disse que não, com tanta certeza, que não perguntei mais. Ela era muito reservada e eu como chefe não podia ficar me intrometendo na vida pessoal”, diz Salazar.

Familiares da garota não confirmam a informação de que Marielly estava grávida desde o seu desaparecimento. A mãe da melhor amiga da jovem, Maria Helena Oliveira, de 40 anos, afirma que nunca ouviu nenhum comentário sobre a gravidez e que se Marielly estava grávida, ela guardou isso “como um segredo muito íntimo”.

Já o delegado Fabiano Nagata, responsável pelo caso, não quis confirmar a existência do exame de gravidez e afirmou que só irá se pronunciar sobre o assunto após o resultado dos exames do IML (Instituto Médico Legal), que devem revelar se a garota foi morta grávida ou se foi vítima de estupro.

Se a data do exame e o resultado positivo forem confirmados, Maryelli já estava grávida desde fevereiro, com três meses aproximadamente de gravidez quando desapareceu. Com isso, o bebê pode não ser do namorado da jovem, já que ela havia começado o relacionamento com o rapaz de 24 anos há cerca de dois meses.

Suspeitas - Uma das hipóteses levantadas após o desaparecimento da garota foi de que ela estaria grávida de um homem casado. No entanto, o delegado Nagata não confirma as suspeitas e diz que “muitos boatos surgem”.

A reportagem do Campo Grande News conversou com o advogado Guilhermo Salazar, chefe do escritório onde a garota trabalhava, e ele disse que a garota foi sempre muito profissional e reservada.

Marielly foi indicada para o cargo por uma advogada, que conhecia a menina e a tinha como “uma pessoa séria”.

Salazar ressalta que a jovem sempre foi muito reservada e que nunca viu ela com namorado ou conversando mais intimamente com funcionários e clientes.

Já Thais lembra que a menina parecia muito apaixonada pelo namorado e que não acredita que ela estaria se envolvendo com outro homem. “Não tinha motivo pra isso”, diz.

Jovem foi morta aos 19 anosJovem foi morta aos 19 anos

A advogada lembra que Marielly era religiosa, freqüentava as missas todo domingo e carregava uma corrente com medalha de Nossa Senhora. Por isso, a colega não acredita que Marielly faria um aborto.

“O estranho é que se estava grávida, porque não contou para a mãe, pra ninguém? A irmã dela engravidou nova e teve o apoio da família, não teria porque ela não contar. Devia ter alguma coisa de errado”, desconfia.

Os colegas de trabalho afirmam que no dia antes do desaparecimento a menina estava “normal e feliz”.

Desaparecimento - No dia 21 de maio, quando desapareceu, a jovem havia combinado com a melhor amiga, de 17 anos, de ir a Praça do bairro Panamá, onde costumavam encontrar os amigos, e depois disse que iria visitar namorado.

No entanto, antes ela teria de resolver um problema. Marielly chegou a mandar uma mensagem no celular da amiga avisando que já estava saindo de casa, mas não foi até a Praça e nem na casa do namorado.

“No mesmo dia, por volta das 20h, a mãe já ligou pra gente procurando a filha. Começamos a buscar desde então. Não sabemos o que aconteceu, nada”, desabafa Maria Helena, mãe da amiga.

O corpo encontrado em Sidrolândia foi identificado como da jovem nesta quarta-feira (15). A família viajou para a cidade de Alto Taquari, no Mato Grosso, onde o pai da menina mora e o corpo deve ser sepultado amanhã.



A oportunidade que o Cgrandenews nos dá,de interagir e dizer o que pensamos é oportunidade única. Por isso não devemos se deixar levar pelo lado emocional desse e de outros casos que possa vir a acontecer e se perguntar; a quem interessaria esse crime? Mariela não foi forçada a ir a Sidrolandia mas,ante a bons argumentos de seu algoz foi por sua propria vontade.Algoz que praticou tres crimes; pratica de aborto,infanticidio,ocultação de cadaver.A segunda pessoa,o(a) "aborteiro" responderá como cumplice , homicida e por ocultação de cadaver e a(fem.), outra pessoa proxima a vitima responderá por dificultar e omitir informações a policia.Mesmo identificado os criminoso,não serão presos, pois o flagrante já prescreveu e com advogados com honorarios que chegam a 30, 40mil reais...já viu,né?
 
samuel gomes- Capital em 16/06/2011 09:03:18
na minha opiniao,ela estaria gravida de alguem influente e pra bomba da gravidez nao estourar resolveram fazer queima de arquivo,foi enganada a ir nesse encontro e dai a sequestraram, fazendo o sinistro...sinto muito e muito triste,agora e so fazer o dna do bb se der pra ver de quem e o filho ai vai haver uma pista...encontrando o pai da criança...
 
deolinda souza em 16/06/2011 09:02:30
Pena que aparecem agora tantos "juízes", querendo esclarecer os fatos. Acredito que já é tarde demais para os" boateiros" se manifestarem! Deixem que a justiça cumpra seu papel, que é prestar contas à família e à socidade. Tenho fé na justiça Divina, esta não falhará, com certeza!!!! Parabéns à imprensa e à polícia pelo trabalho já prestados. E à família muita força nesse momento de dor e tristeza.
 
Celi Barbosa Costa Silva em 16/06/2011 07:17:28
Se essa hipótese for verdadeiro, o mais provável é que ela tenha sido "forçada" pelo suposto homem casado a ir pra Sidrolândia fazer o aborto, porque se estivesse já de caso pensado em ir realizar esse procedimento, não teria marcado encontro pra daí a pouco com amiga e namorado, até porque isso deev levar um certo tempo, e depois deve exigir repouso. E se ainda tivesse de se deslocar até Sidrô, aí sim é que iria demorar mais mesmo. Ela saiu pra "resolver o problema", provavelmente uma conversa com o "amante", e nisso ele deve tê-la levado à força pra Sidrô pra fazer o aborto. Nunca saberemos a verdade, principalmente se o cara for rico...
 
Norival Sampaio em 16/06/2011 05:40:00
quem sabe ela foi numa destas clinicas de faixada fazer um procedimento abortivo e deu errado,vindo a morrer e ai desovaram la no canavial,vamos envestigar por este lado tambem!
 
jorge pereira de oliveira em 16/06/2011 05:15:18
Nossa policia, apesar das limitações que lhe é imposta, é muita boa e em no maximo 30 dias tudo estará esclarecido....
 
agricio araujo em 16/06/2011 05:11:25
Tal conjecturas se procede porque.... a mae que e uma pessoa sozinha aqui ^^se mandou^^ talvez com medo de represalias e ate por orientacao da justica -porque uma mae que mora em cgrande deixaria os restos mortais de sua filha em mt... porque a primeira coisa a ser feita num desaparecimento desses nao seria a quebra de sigilo do telefone e msn -com certeza!!!! a policia ja o fez senao o porque nao o fez! uma gravidez indesejavel incomoda mas...incomoda mto mais se for alguem ^^muito...conhecido^^^espero que se as conjecturas estao certas que a Lei prevaleca independente de quem for. ou alguem ja sabe alguma coisa!!!!!!!!!!!!!!
 
aparecida rocha em 16/06/2011 05:06:26
Que loucura senhor Samuel, embora ache que vossa imaginação tenha ido longe até demais, sou obrigado em aceitar que vossa linha de raciocínio tem fundamento, agora, se esta conjectura que ventila se não for conjectura e sim fato, tenha certeza que ficará somente na conjectura, porque o autor não vai aparecer e não vão permitir que ele apareça e ficará como morte a esclarecer, e cá estamos, que pena!
 
Gustavo césar capilé gonçalves em 16/06/2011 04:01:34
Sera que o bebe que foi jogado no rio não é o feto dessa moça? porque faz sentido, as autoridades deveriam ligar as coisas.
 
selma dos santos em 16/06/2011 03:41:49
Fazendo conjecturas, acredito que essa moça se envolveu com gente grande na cidade! Alguém sentiu-se incomodado com algo dito por ela e fez essa barbaridade! Com certeza é figurão!
 
adalberto rebelo em 16/06/2011 03:34:23
Os obscuros fatos já começam a clarear! A mãe da jovem diz que sua filha não estava gestante. Porém, agora com a noticia de que estaria com os exames da filha que confirma sua gravidez... de um homem conhecido e casado...! A hipotese de que junto com o "homem casado e conhecidissimo" tenham ido a uma clinica médica particular na cidade de Sidrolandia,fazer "exames", ganha força! Na clinica algo saiu errado e não deu tempo de socorre-la a Sta Casa,em CGrande.E agora?Como voltar e passar desapercebido pela PRE,logo ali? O "homem casado e conhecido" junto com alguém conhecedor da região desfizeram do corpo sem vida da moça e o homem voltou a Cgrande, onde sabendo do que fez e ao ouvir noticiarios do caso ficou caladinho.Só que agora chegou a sua hora! Apenas conjecturas!
 
samuel gomes-campo grande em 16/06/2011 02:59:17
Este caso e um dos casos mais faceis de ser resolvido...concertesa delegado ja sabe...esta apenas fazendo coleta de dados e estruturura o Docie...
Quer dizer...aparentemente ta facil
 
Dr Alexsandro em 16/06/2011 02:46:25

Disponível na AppStore Disponível no Google Play
  • Idalus Internet Solutions
  • Y digital intelligence
  • Rede Tendência
  • Gestão Ativa
  • 8020 Marketing
  • IVC Brasil
Desenvolvido por Idalus Internet Solutions e Y digital intelligence