A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Setembro de 2016

03/06/2015 14:29

Escola promove gincana entre alunos para ensinar a economizar energia

Liana Feitosa
Premiação de gincana aconteceu durante feira de ciências. (Foto: Fernando Antunes)Premiação de gincana aconteceu durante feira de ciências. (Foto: Fernando Antunes)
Pedro Henrique foi quem mais economizou entre os 100 participantes.(Foto: Fernando Antunes)Pedro Henrique foi quem mais economizou entre os 100 participantes.(Foto: Fernando Antunes)

Uma escola de Campo Grande decidiu desafiar seus alunos a economizarem energia elétrica durante um mês. Cerca de 100 estudantes de 3 a 14 anos participaram da iniciativa com o objetivo de reduzir o consumo de eletricidade em casa entre os meses de abril e maio. Neste ano, três aumentos consecutivos elevaram a tarifa da energia em mais de 30%.

Veja Mais
Águas Guariroba reajusta em 8,35% tarifa de água devido a energia cara
Inflação sobe menos em abril, mas alimentação e energia pesam no bolso

No entanto, na prática, tem consumidor que viu a conta subir 110%, de janeiro para abril. Por isso, a escola lançou a gincana e premiou três crianças, as que mais economizaram: uma do jardim da infância, outra do ensino fundamental I e outra do ensino fundamental II.

Pedro Henrique Costa Quentino, de 8 anos, foi quem mais economizou entre os três destacados. Ele alcançou redução de 169 kWh em maio, em comparação com abril. uma economia de aproximadamente R$ 70.

Ajuda - "Eu participei porque acho importante economizar energia. Eu apagava sempre as luzes e meus pais me ajudavam toda vez que eu falava pra eles. Economizar energia faz economizar dinheiro também", aconselha Pedro.

Mais consciente sobre o tema, Ana Carolina Silva, de 14 anos, acredita que aprendeu muito com a ação. Ela poupou 94 kWh no mês. "Muita gente não tem consciência de que é importante economizar, aí gasta muito e o preço da bandeira vermelha aumenta", adianta.

Segundo a Energisa, concessionária de energia do Estado, os índices tarifários atuais estão diretamente relacionados ao cenário vivenciado pelo setor elétrico brasileiro, o que inclui a crise hídrica no país, a RTE (Revisão Tarifária Extraordinária) e a revisão anual da concessionária.

Dicas - "Tive que desligar o ar condicionado, as luzes e até meu banho ficou mais curto", conta. Outra alternativa encontrada pela aluna foi concentrar os gastos. "Quanto todo mundo da família está em casa, procuramos ficar no mesmo cômodo pra diminuir o gasto", sugere.

Ana Carolina aprovou o desafio e disse que aprendeu muito com a ação. (Foto: Fernando Antunes)Ana Carolina aprovou o desafio e disse que aprendeu muito com a ação. (Foto: Fernando Antunes)

A Energisa também dá dicas de economia. Segundo a empresa, instalar a geladeira longe do fogão e afastada da parede, em local que não bata sol, ajuda a poupar na conta. Além disso, não colocar alimentos quentes na geladeira e roupas para secar atrás também são hábitos que podem ser adotados.

O mesmo equipamento também pode economizar na fatura se as prateleiras não forem forradas, pois isso pode dificultar a passagem do ar dentro do eletrodoméstico, gastando mais energia.

Desplugue - Além disso, aparelhos como TV, computador e carregadores de celular devem permanecer fora da tomada quando não utilizados.

Para a diretora da escola Nazaré Campo Grande, irmã Elizabeth Alegre, a iniciativa mostrou para os alunos que é possível reduzir gastos com pouco esforço. "Os alunos ficaram felizes de estar participando de um desafio e os pais acabaram aderindo também", conta.

Para Fernanda, do jardim 3, foi fácil participar do desafio. (Foto: Fernando Antunes)Para Fernanda, do jardim 3, foi fácil participar do desafio. (Foto: Fernando Antunes)

"Com vontade de ganhar, os pequenos cobravam economia dos pais. Muitos contaram pra nós que os filhos ficavam de olhos atentos aos hábitos de casa para que não existisse consumo excessivo", amplia a diretora. "Ensinando os pequenos preparamos uma geração mais consciente", finaliza.

Simples - Para a pequena Fernanda Queiroz de Souza, de 6 anos, que economizou 58 kWh, foi fácil participar do desafio. "Eu só desliguei as luzes da sala, do banheiro, do quarto e dos fundos e de todos os lugares. Toda vez que tinha uma luz acessa eu apagava. Foi legal", resumiu.

Os vencedores foram premiados com um jogo de xadrez, que é, inclusive, disciplina na escola. "Nosso objetivo é desenvolver inteligências múltiplas, todas as habilidades dos alunos. Esse jogo estimula o raciocínio, por isso foi escolhido como prêmio", explica a diretora.

A premiação aconteceu durante uma feira. Na ocasião, estudantes de todas as séries apresentaram trabalhos como maquetes, experiências, pinturas e apresentações com alusão à luz, suas propriedades físicas e científicas.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions