A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

02/06/2015 16:43

Puxada pela batata e cebola, cesta básica tem alta de 1,3%

Preço médio da cesta formada por 28 itens saltou de R$ 105,80 no dia 4 de maio para R$ 107,16, segundo pesquisa feita hoje pelo Procon

Helio de Freitas, de Dourados
Bata e cebola lideram as altas de preços nos últimos 30 dias em supermercados de Dourados (Foto: Eliel Oliveira)Bata e cebola lideram as altas de preços nos últimos 30 dias em supermercados de Dourados (Foto: Eliel Oliveira)

O preço da cesta básica formada por 28 itens de primeira necessidade subiu 1,3% em comparação a maio, segundo a pesquisa mensal feita nesta terça-feira (02) pelo Procon em dez supermercados de Dourados, a 233 km de Campo Grande.

Veja Mais
Tomate apresenta alta de 12,49% e inflaciona cesta básica na Capital
Tomate fica 60% mais caro e já é vendido por quase R$ 8 o quilo

Impulsionado pela batata, que subiu 26% e pela cebola, com alta de 136%, o preço médio da cesta básica apurado hoje nos dez principais mercados da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul foi de R$ 107,16. A pesquisa feita no dia 4 de maio tinha apontado valor médio de R$ 105,80.

Além da alta, o Procon constatou, mais uma vez, uma grande diferença de preço entre produtos semelhantes. O papel higiênico com quatro rolos custa R$ 1,15 no hipermercado do shopping da cidade e é vendido por R$ 6,95 em uma grande loja de rede nacional – diferença de 504,35%. O Procon informa que neste caso não leva em conta as marcas dos produtos.

Além do papel higiênico, o Procon encontrou outros 14 produtos com diferença superior a 100% entre o estabelecimento com menor preço e o mais careiro. Biscoito de sal, margarina, sal de cozinha, creme dental, extrato de tomate e goiabada estão entre os campeões de variação de preço.

O valor médio da cesta básica varia 40% entre os dez estabelecimentos em que a pesquisa foi feita. O conjunto de 28 itens pode ser comprado por R$ 87,79 no mercado mais barato e por R$ 122,85 no que tem os maiores preços.

Mais informações sobre a pesquisa podem ser obtidas pelos telefones (67) 3411-7754 e 151 (apenas para quem mora em Dourados) ou através do e-mail procon@dourados.ms.gov.br.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions