A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

18/05/2012 11:01

Em menos de duas horas, acabam ingressos para show do Prata da Casa

Ângela Kempfer
Projeto foi lançado na terça-feira passada.Projeto foi lançado na terça-feira passada.

Nem a organização esperava, “mas foi juntando gente, formando fila e em menos de 2 horas todos os ingressos acabaram”, conta Zito Ferrari, presidente da comissão organizadora do show Prata da Casa.

Veja Mais
Novos arranjos e letras consagradas vão estar em DVD do Prata da Casa
Projeto Prata da Casa traz de volta artistas consagrados ao palco do Glauce Rocha

O mérito é dos artistas. São quase todos os nomes consagrados da música em Mato Grosso do Sul reunidos em apenas uma noite para apresentar ao público uma compilação do melhor já produzido por aqui.

A venda foi aberta ontem na bilheteria do teatro e já não há nada à disposição. "os artistas estão maravilhados com isso. Ninguém imaginava que seria tão rápido," comenta Zito.

Na próxima terça-feira, o Teatro Glauce Rocha vai estar lotado para a gravação de CD e DVD do projeto Prata da Casa, que há 30 anos teve a primeira edição registrada ainda em LP.

Quando a ideia de relembrar os velhos tempos surgiu, os organizadores já sabiam que o teatro, com 700 lugares, seria pequeno diante do interesse pela relação de artistas apresentada: Almir Sater, Grupo Acaba, João Fígar, Hermanos Irmãos, Guilherme Rondon, Geraldo Roca, Paulo Simões, Carlos Colman, Lenilde Ramos, Claudio Prates, Paulo Gê, e os irmãos Geraldo, Celito, Alzira e Tetê Espíndola, além dos Hermanos Irmãos, trio formado por Jerry Espíndola, Rodrigo Teixeira e Márcio de Camilo.

Mesmo assim, não dava para escolher outro local, pela condição de acústica e, principalmente, pelo fator emocional. “Não tinha como ser diferente, há 30 anos o show foi no Glauce. Também teríamos problemas com a parte técnica de captação de áudio se fosse realizado em um lugar aberto, como uma praça”, explica Zito.

Com os ingressos esgotados e muita gente ainda cobrando a oportunidade de acompanhar o momento histórico da música regional, Zito lembra que ainda haverá muitas chances para os fãs. “Vamos gravar o trabalho agora, mas depois terá o lançamento e isso deve acontecer em um lugar muito maior. Talvez seja na Praça do Rádio, que tem capacidade para milhares de pessoas”, garante.




Na reportagem do Campo Grande News de terça-feira sobre esse show dizia que os convites estariam disponibilizados a partir de quinta-feira e que deveriam ser reservados na secretaria do Teatro Glauce Rocha. Na quarta-feira,por curiosidade, liguei na secretaria para saber a respeito desses convites e tive a triste notícia que eles já haviam se esgotado. Muito estranho isso...
 
Andreia Garcia Leite em 18/05/2012 12:08:24
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.