ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SÁBADO  23    CAMPO GRANDE 28º

Cidades

Escola estadual nas Moreninhas vai sediar 2º campus da UEMS na Capital

Implantação está em tramitação interna; pesquisa vai definir quais cursos a população quer ter na região

Por Paula Maciulevicius Brasil | 13/07/2021 10:36
Escola Waldemir Barros da Silva está localizada nas Moreninhas, em Campo Grande. (Foto: Reprodução/Facebook)
Escola Waldemir Barros da Silva está localizada nas Moreninhas, em Campo Grande. (Foto: Reprodução/Facebook)

O segundo campus da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) já tem local de sede na Capital. A escola estadual Waldemir Barros da Silva, nas Moreninhas, recebeu visita técnica nessa segunda-feira (12) para que autoridades e a reitoria da universidade conhecessem a infraestrutura do colégio.

Os próximos passos são os trâmites internos nos conselhos superiores da instituição, além de pesquisas junto à população para a escolha dos cursos a serem ofertados. As Moreninhas hoje concentram cerca de 40 mil habitantes de Campo Grande. 

Presente na visita, o titular da Seinfra (Secretário de Estado de Infraestrutura), Eduardo Riedel, explicou que a descentralização está no DNA da UEMS, que já está em 15 diferentes municípios do Estado, além dos polos EaD. 

UEMS divulgou fotos da visita técnica feita em escola. Local conta com 16 salas no total. (Foto: Divulgação/UEMS)
UEMS divulgou fotos da visita técnica feita em escola. Local conta com 16 salas no total. (Foto: Divulgação/UEMS)

"Sabemos da dimensão social da Universidade para a população do MS, e neste prédio, sem custo algum de investimento em infraestrutura, ofertaremos o curso que a comunidade das Moreninhas escolher. É um projeto transformador", afirma Riedel.

O novo campus a ser aberto nas Moreninhas é fruto da parceria entre UEMS e SED (Secretaria Estadual de Educação). A escola cotada para sediar a UEMS foi a primeira a implementar o Ensino Médio em tempo integral e é reconhecida pela qualidade do seu ensino em todo o Estado e na região Centro-Oeste.

De estrutura, a escola conta com 16 salas distribuídas em dois pisos, dessas, três são laboratórios de informática; no piso térreo possui mais dois laboratórios de informática e quatro de base científica, além de 1 quadra poliesportiva coberta.

A área total da escola é de cerca de 10.500m². Toda essa estrutura é utilizada no período diurno, das 07h30 às 16h30, pelos anos do Ensino Médio, contando com todo o período noturno livre para uso.

A abertura do novo campus conta também com apoio da bancada federal.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário