ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  19    CAMPO GRANDE 31º

Cidades

Governo prevê a entrega de 1,7 mil casas na Capital neste ano

Ao todo são sete obras de habitação que estão em execução em Campo Grande

Por Leonardo Rocha | 24/05/2020 08:23
Residencial no Bairo Aero Rancho, em Campo Grande (Foto: Edemir Rodrigues - Governo MS)
Residencial no Bairo Aero Rancho, em Campo Grande (Foto: Edemir Rodrigues - Governo MS)

Apesar da pandemia, o governo estadual prevê entregar 1.724 moradias ainda este ano, em Campo Grande, seguindo o planejamento para o setor de habitação. Entre as moradias estão os residenciais do Portal das Laranjeiras e duas unidades do Bairro Aero Rancho.

O secretário de Gestão Política da Capital, Carlos Alberto Assis, disse que as obras seguem com as medidas de segurança e prevenção contra o coronavírus e que os projetos continuaram para que estas famílias tivessem suas casas próprias, apesar da pandemia. “Seguimos acompanhando e fazendo o possível para que todas sejam entregues até o final do ano”.

Segundo Assis e a diretora-presidente da Agehab (Agência de Habitação Popular), os residenciais Portal das Laranjeiras, no Jardim São Lourenço, e os dois do Aero Rancho, já estão na fase de acabamento, com mais de 90% das atividades concluídas.

O governo informou que cada apartamento terá dois quartos, sala de estar e jantar integrada, banheiro adaptável e área de serviço, com um espaço interno de 47,01 m². A área comum também dispõe de um playground, quadra de esportes de areia e espaço para eventos com banheiros adaptados para pessoas com deficiência.

Estas moradias fazem parte do programa “Minha Casa, Minha Vida”, por meio do FAR (Fundo de Arrendamento Residencial), tendo a devida contrapartida do governo estadual e dos municípios. Segundo o governo, desde o início da gestão já foram entregues 2.813 casas já foram entregues em Campo Grande.

Neste momento estão em execução sete empreendimentos na Capital, entre eles o Portal das Laranjeiras, Sírio Libanês I, II e III, Aero Rancho 7 e 8, Jornalista Armando Tibana, Jardim Mato Grosso e Jardim Canguru.