ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEGUNDA  10    CAMPO GRANDE 21º

Cidades

MS confirma 33 vítimas de covid em 24h; quase metade tinham menos de 60 anos

Mato Grosso do Sul se aproxima de 5 mil mortes por covid-19 e já ultrapassa 231,5 mil casos totais da doença

Por Guilherme Correia | 13/04/2021 11:26
Ambulância leva paciente ao Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (Foto: Kísie Ainoã)
Ambulância leva paciente ao Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (Foto: Kísie Ainoã)

Boletim epidemiológico da covid-19 traz 33 mortes e 1.322 casos de covid-19 em Mato Grosso do Sul, registrados até a manhã desta terça-feira (13), sendo que quase metade (13) das vítimas tinham menos de 60 anos. Com isso, o Estado chega a 231,5 mil casos e 4.940 óbitos desde o início da pandemia.

A macrorregião de saúde de Campo Grande - que inclui outros 19 municípios - possui 101% dos leitos de terapia intensiva vinculados ao SUS (Sistema Único de Saúde). Portanto, não há vagas disponíveis. 

A região de Dourados possui taxa de 92% dos leitos ocupados, além de Três Lagoas (89%) e Corumbá (100%). Em todas as regiões, mais parte das internação são em decorrência do coronavírus.

Na prática são 1.252 pessoas internadas, incluindo pacientes hospitalizados em leitos clínicos, para casos menos graves. Além disso, há pelo menos 12,8 mil pessoas com vírus ativo.

Por fim, 212,4 mil pessoas já se recuperaram, mas, conforme noticiado pelo Campo Grande News, as novas variantes têm risco muito maior de reinfecção dessas pessoas. Durante coletiva feita ontem, a secretária-adjunta em Saúde, Crhstinne Maymone, ressaltou presença da P1 e P2 - que têm feito mais pacientes, de faixas etárias mais jovens, morrerem pelo coronavírus.

"[Há] comprovação de duas variantes em Mato Grosso do Sul, a P1 e P2. O Brasil já confirmou a P3 e há estudos sobre a P4. Todas as vezes que estivemos aqui, falamos baseado em evidências científicas", ressaltou.

Portanto, a SES (Secretaria Estadual de Saúde), por meio do documento, recomenda isolamento social, uso de máscaras de proteção facial e higiene básica, como forma de reduzir danos e chances de contaminação. Dados consolidados de cada município, incluindo registros de óbitos, podem ser conferidos por meio do link.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário