A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

16/11/2010 09:37

Adolescentes ficarão sem aulas e lazer depois de motim

Redação

Adolescentes da Unei (Unidade Educacional de Internação) Temporária ficarão sem aulas e atividades de lazer depois da rebelião de sábado, segundo a presidente do Sindicato dos Servidores da Administração do Estado de Mato Grosso do Sul, Lílian Fernandes. Não há data para retomada destes trabalhos, que foram suspensos devido ao motim que terminou com três agentes feridos e 14 adolescentes foragidos.

Lílian afirma que na assembleia os agentes de medidas socioeducativas decidiram que somente serão mantidas atividades consideradas urgentes, entre elas, atendimentos de saúde, banho de sol e a distribuição de comida.

"Não vão manter e rotina. Os agentes farão apenas serviços emergenciais", completa Lílian.

Ela explica que não se trata uma retaliação, o que ocorre é que os agentes não têm condição de exercer o trabalho normalmente, já que alojamentos foram destruídos.

Até os atendimentos de psicólogas e assistentes sociais serão suspensos por tempo indeterminado.

"Os agentes não têm como dar segurança da maneira como está", completa Lílian.

Os servidores cobram a liberação de instrumentos de contenção, a exemplo, a tonfa.

Determinação do MPE (Ministério Público Estadual) retirou das unidades as tonfas que eram usadas pelos agentes em agosto deste ano.

Em todo Estado - Os servidores também reivindicam a liberação para pagamento de horas extras em todas as Uneis do Estado.

Devido à falta de efetivo, esta seria uma maneira de reforçar a segurança. "Isso só enquanto não abrir concurso", ressalta Lílian.

As medidas serão adotadas depois da assembleia feita esta manhã em frente à Unei Temporária, localizada na saída para Aquidauana, onde estiveram presentes cerca de 30 agentes.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions