ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, DOMINGO  05    CAMPO GRANDE 33º

Cidades

Além de MS, operação contra 67 prende "chefões do PCC" em SP

Por Graziela Rezende | 17/12/2013 10:16
Presos estão sendo levados para Acadepol. Foto: Pedro Peralta
Presos estão sendo levados para Acadepol. Foto: Pedro Peralta

Além de atingir detentos da Capital, de Dourados e Três Lagoas, a operação deflagrada na manhã de hoje (17), para coibir a ação de facções criminosas, também atinge presidiários de São Paulo, de acordo com a assessoria de comunicação do Ministério Público. Identificados como os “chefões” do PCC (Primeiro Comando da Capital), eles estão sendo interrogados e terão a pena agravada por participar de associações criminosas.

Em Campo Grande os detentos, além das armas e porções de droga já apreendidos, estão sendo levados para a sede da Acadepol (Academia de Polícia Civil). Eles prestam depoimento e alguns serão transferidos posteriormente. A conduta dos integrantes e as suas “ramificações” são constante alvo de investigação do Gaeco (Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado), de acordo com o promotor Marcos Alex Vera.

Flagrantes – A Polícia pretende cumprir 67 mandados de prisão e de busca e apreensão, sendo que 50 mandados em três unidades prisionais da Capital, Dourados e Três Lagoas.

De nome "Eríneas" (o nome é uma referência a divindades da mitologia grega, guardiãs da moral e dos valores, que punem transgressores e criminosos), a operação conta com dezenas de policiais militares, do Gaeco, Deco e de outras delegacias que atuam em apoio. O balanço das prisões e apreensões ocorrerá em uma coletiva ás 14h de hoje, na Sejusp.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário