A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

25/02/2014 10:26

André diz que vai continuar o apoio a projetos da comunidade japonesa em MS

Viviane Oliveira e Leonardo Rocha
Governador diz que Estado deve muito a comunidade japonesa. (Foto: Gleber Gellio) Governador diz que Estado deve muito a comunidade japonesa. (Foto: Gleber Gellio)

Os sul-mato-grossenses devem muito a comunidade japonesa. A frase é do governador do Estado André Puccinelli (PMDB), durante assinatura de três convênios no valor de R$ 511,2 mil com a Colônia Japonesa, em Mato Grosso do Sul. Ele ressaltou que vai continuar a apoiar a comunidade em projetos e festivais no Estado.

Em evento realizado auditório da governadoria, na manhã de hoje, foram destinados R$ 289 mil para associação Nipo Brasileira de Campo Grande para reforma dos banheiros e implantação de sistema de incêndio no local. Ainda para a associação, serão repassados R$ 122,4 mil para construção de duas quadras de tênis.

Também serão destinados R$ 98,9 mil para a Associação Cultural Nipônica de Fátima do Sul, para construção de um galpão, que vai servir para eventos culturais esportivos. Esses recursos são da Fundação de Cultura e da Fundesporte (Fundação do Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul).

Para o presidente da Fundação de Cultura, Américo Calheiros, a comunidade japonesa tem sido parceira e atuante no Estado desde sua criação. “É uma cultura forte que tem destaque na gastronomia, dança e comportamento”, diz, acrescentando que a colônia do Estado é a 3ª maior do país.

De acordo com o presidente da Associação Nipônica de Fátima do Sul, Reginaldo Tago, esse apoio do governo estadual será importante no desenvolvimento e na preservação da cultura japonesa. “Na cidade têm 70 famílias japonesas e a entidade recebe pessoas de 10 municípios, com a ajuda nós teremos um local melhor para atender o pessoal”, destaca. A entidade existe desde 1958.

Construídos há 35 anos, os dois banheiros da Nipo Brasileira serão reformados com o dinheiro, além das duas quadras de tênis construídas. “As quadras serão utilizadas por 180 alunos”, explica o presidente Acelino Sinjo Nakasato.

Segundo ele, o governo estadual sempre ajuda a comunidade japonesa com grandes eventos através de recursos, como por exemplo, o Bon Odori, festividade popular no Japão. “Nesses eventos, além da comunidade japonesa toda a sociedade sul-mato-grossense participa da festa”, afirma Acelino.

Durante o evento, André Puccinelli falou que desde 1972, quando veio para o Estado teve um contato muito grande com os japoneses. “Quando assumi a Prefeitura nos anos 90 sempre esteve ao meu lado colaboradores japoneses, entre eles, destacada Sergio Seiko e a atual Secretária de Estado de Administração, Thie Iguche”. O governador diz ainda, que o Estado deve muito aos japoneses.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions