A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

27/08/2013 14:28

Capital tem o 2º maior número de médicos inscritos do País no Revalida

Edivaldo Bitencourt

Em Campo Grande, 264 médicos se inscreveram para fazer as provas do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeiras (Revalida). É o segundo maior número de inscritos do País, só atrás de São Paulo, com 424 candidatos inscritos.

Segundo o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), apenas 20 inscritos (7,5%) não compareceram ao exame. A primeira fase foi composta por 110 questões de múltipla escolha e por cinco discursivas. Na segunda fase, serão avaliadas as habilidades clínicas, quando os participantes simulam situações reais de atendimento médico.

A terceira capital em número de inscritos foi o Rio de Janeiro, com 196 candidatos. Também sediaram a primeira etapa do exame Brasília, Rio Branco, Manaus, Salvador, Fortaleza, Curitiba e Porto Alegre.

O índice de ausentes chegou a 10,71%. Dos 1.772 médicos com diploma obtido no exterior inscritos para o exame, 190 não compareceram aos locais de prova.

Revalida registra quase o dobro de inscritos do ano passado
O Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeiras (Revalida) de 2013 tem 1,6 mil inscr...
Médicos com diploma estrangeiro têm até dia 30 para se inscriver no Revalida
Estão abertas as inscrições para o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos expedidos por instituições de educação superior estrangeiras (Re...
Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...


Existe muito cooperativismo na medicina, tudo para manter altos salários e baixa concorrência, o Governo investe altíssimo nos filhos da classe burguesa devido à desigualdade na formação educacional, onde o pobre acaba excluído em concorrência desleal, através de Universidades Públicas para não ter um retorno digno através do serviço público obrigatório. Isso tem que acabar! Médicos Estrangeiros já ou revalida para todos os médicos, inclusive os mais antigos que não se reciclaram.
 
Carlos Magno em 27/08/2013 16:59:54
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions