A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

01/09/2011 17:14

Adolescente de 16 anos matou rapaz a mando de traficante, aponta polícia

Francisco Júnior

Crime aconteceu na noite do último domingo (28)

Uma dívida de drogas foi a motivação para o assassinato de Edison Antonio Sforcini Júnior, de 22 anos, ocorrido na noite do último domingo (28), no bairro Coophavila 2, em Campo Grande. Um adolescente de 16 anos está apreendido suspeito de ter cometido o crime.

Segundo a delegada da Deaij (Delegacia de Atendimento à Criança e ao Adolescente), Maria de Lourdes de Souza Cano, responsável pela investigação do caso, a ordem para a execução da vítima partiu de um traficante da região do Coophavila. Edison e o adolescente pegaram com ele uma quantidade de pasta base de cocaína, avaliada entre R$ 300 e R$ 500, para venderem. Porém, os dois acabaram usando o entorpecente.

Como forma de diminuir o valor da dívida, a vítima entregou R$ 30 para o adolescente repassar ao traficante. Mas, conforme as investigações da polícia, o garoto efetuou o pagamento como se o dinheiro fosse dele.

Acreditando que havia levado um calote, o traficante, que ainda não foi preso, mandou o adolescente executar Edison.

Conforme a delegada, em depoimento na delegacia, o menor confessou o crime, mas negou que o motivo seria a dívida de drogas. “Ele disse que a vítima pegou sua bicicleta emprestada e vendeu para comprar drogas”.

Edson foi morto com três tiros à queima-roupa. A mãe dele, Rosivete Sforcin, na ocasião, relatou à polícia que o filho recebeu uma ligação e seguiu a frente da residência. Segundo ela, em seguida ouviu três disparos e ao sair para ver o que aconteceu, encontrou ele morto, caído próximo ao portão.

A apreensão do suspeito aconteceu ontem, no bairro Parque do Sol. Ele estava na companhia de Edinaldo dos Santos Silva, de 20 anos, dono da arma utilizada no crime. Ao perceberem o cerco policial, os dois tentaram fugir, mas acabaram capturados por policiais da Deaij.

O adolescente tem inúmeras passagens na polícia pelos crimes de atentado violento ao pudor, tráfico, roubo e furto. Ele esteve internado na Unei (Unidade Educacional de Internação) Dom Bosco este ano, de onde fugiu no dia 28 de fevereiro e foi capturado três dias depois.

Já Edinaldo, conforme apurado pela polícia, é suspeito de ter participado do assalto ao Supermercado Pires, do bairro Universitário, ocorrido no dia 16 de julho. Ele, que cumpriu pena Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande, é apontado também como o autor de vários roubos ocorridos em farmácias e postos de combustíveis.

O adolescente será encaminhado para a Unei Dom Bosco e Edinaldo para a Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos).



O Menor? ja provou que é da pesada, ainda consideram ele criança?tem que ficar detido pois ele cada vez que passa pela prisão aprende mais um pouco da bandidagem e vem pratica-la aqui fóra.pena de morte não, mas uma ilha cercada de jacarés seria bom para esses que gostam de fugir,Obs:os jacarés devem estar sempre com um pouco de fome.
 
Mariano vasques em 02/09/2011 09:58:51
E adianta encaminhar esse delinquente para a UNEI? Daqui uns dias ele foge de novo e continua na luta do crime, pois uma vez bandido, sempre bandido, isso não tem jeito não. Só pena de morte pra por fim na bandidagem que está acabando com o nosso país.
 
Rosangela Carvalho em 02/09/2011 09:42:06
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions