ACOMPANHE-NOS    
FEVEREIRO, SÁBADO  27    CAMPO GRANDE 30º

Capital

Após perder marido em acidente, Eula pede ajuda para criar bebê de um mês

Renda do marido era a única da família; além de contas, mãe de 1ª viagem deseja construir quarto para morar com o filho

Por Liniker Ribeiro | 26/01/2021 15:12
Eula, Silas e Kauê, bebê de pouco mais de um mês (Foto: Arquivo Pessoal)
Eula, Silas e Kauê, bebê de pouco mais de um mês (Foto: Arquivo Pessoal)

A ficha ainda não caiu para Eula Paola Barbosa, esposa de Silas Barbosa da Silva, de 18 anos, após acidente entre moto e caminhão tirar a vida do motoentregador, na madrugada do último sábado (23). Ao lado do filho, de apenas um mês, a dona de casa agora pede ajuda para arcar com despesas e também construir espaço para criar Kauê Yuri, fruto do relacionamento de 1 ano e meio com Silas.

“O amor da minha vida partiu e foi morar com Deus. Ficamos eu e o Kauê,  meu filinho de 1 mês de vida, sem o nosso pilar o nosso porto seguro”, destaca Eula, em pedido publicado nas redes sociais. “Por meio desta ação solidária entre amigos e solidários, venho pedir ajuda, pois a nossa única renda era a do meu Silas e ficaram contas para ser pagas que não estavam no nome dele”, ressalta.

Entre as dívidas, as parcelas da moto conduzida pelo entregador, no dia do acidente. O veículo, aliás, havia sido comprado recentemente, com ajuda da sogra. “Vamos ter que pagar as parcelas da moto até que o seguro seja liberado”, explica a mãe de primeira viagem.

Antes do acidente, ela e o marido moravam em casa alugada no Bairro São Conrado, mas desde então, a adolescente voltou para a casa da mãe, onde pretende construir quarto para morar com o filho.

“Pretendo fazer um quarto aqui para mim e o bebê, então, se alguém também puder ajudar com materiais de construção, eu agradeço”, afirmou Eula ao Campo Grande News.

A postagem em seu perfil no Facebook já motivou algumas doações. “Ganhei cesta básica e, no sábado, vamos receber mais algumas coisas, principalmente para o bebê”, contou.

Doações - Quem quiser e puder ajudar a família pode entrar em contato pelo telefone (67) 9.8223-9191. Doações podem ser feitas para a conta do Banco do Brasil em nome de Lilian, mãe de Eula: Agência: 3497-5, Conta: 16911-0. Pix: 014510621-76

Jovem, de 18 anos, não resistiu a colisão entre moto e caminhão (Foto: Divulgação/Bptran)
Jovem, de 18 anos, não resistiu a colisão entre moto e caminhão (Foto: Divulgação/Bptran)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário