A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

14/12/2015 11:40

Bebê sofre parada cardiorrespiratória e morre após parto em casa

Aline dos Santos e Viviane Oliveira
Mulher foi levada para o hospital após parto trágico. (Foto: Simão Nogueira)Mulher foi levada para o hospital após parto trágico. (Foto: Simão Nogueira)

Um parto em casa terminou em tristeza na manhã desta segunda-feira no bairro Taquarussu, em Campo Grande. O bebê faleceu após o nascimento.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o atendimento à menina começou por volta das 10h. Segundo o soldado Daniel Santos, a criança estava com parada cardiorrespiratória. As manobras para reanimação foram feitas por cerca de 40 minutos, mas sem sucesso.

Priscila Dias Domingues de Sá, 32 anos, mãe do bebê, foi levada para o HR (Hospital Regional) Rosa Pedrossian. Ela saiu da residência envolta em manta térmica e estava em estado de choque.

Na casa, reinava o clima de consternação entre vizinhos e familiares. Uma vizinha conta que os gritos começaram à meia-noite. “Eram gritos de terror. Ela gritava desesperada”, diz a mulher de 47 anos, que não quis se identificar para a reportagem. A vizinha mora no mesmo terreno da residência da gestante.

Bastante nervosa, a mãe de Priscila relatou que a filha tem plano de saúde e foi convencida pela médica a fazer parto normal. Ela já tem dois filhos, com histórico de parto complicados. O plano inicial era fazer em um hospital, mas a gestante optou pelo nascimento em casa.

“Chamaram uma senhora para acompanhar. Durante toda a gravidez tentei convencer ela de ir para o hospital, mas não mudou de ideia. Sabia que alguma coisa ia acontecer, não precisava disso”, diz a mulher, que também não deu o nome.

Os registros mostram que o pré-natal foi feito corretamente. A ocorrência foi atendida pelos bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions