ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEGUNDA  25    CAMPO GRANDE 18º

Capital

Com 2 furtos na quarentena, gerente reclama de iluminação e de ladrões soltos

Nesta madrugada, a loja foi furtada mais uma vez e teve a porta de vidro destruída pelo bandido

Por Viviane Oliveira | 01/04/2020 11:56
Ladrão foi preso após arrombar a porta de blindex para furtar a loja nesta madrugada (Foto: Henrique Kawaminami)
Ladrão foi preso após arrombar a porta de blindex para furtar a loja nesta madrugada (Foto: Henrique Kawaminami)

Com dois furtos em menos de 20 dias, o gerente Eduardo Ribeiro da loja de brinquedos Pirlimpimpim, localizada no cruzamento da Rua 14 de Julho com a Avenida Mato Grosso, na região central de Campo Grande, reclama da falta de iluminação no trecho e de ladrões soltos que chegam a ser detidos, mas no outro dia estão na rua novamente.

Eduardo contou que a loja vai passar por reforma para trocar a porta de blindex por uma de ferro, porém por causa do decreto municipal suspendendo vários serviços, a obra teve que ser paralisada. O dono, segundo o gerente, também vai investir em iluminação pública para evitar os arrombamentos. De acordo com a Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública ), do dia 20 até agora, foram registrados 268 furtos somente na Capital.

“Infelizmente vai aumentar o índice de criminalidade devido à quarentena. Os ladrões que furtam os comércios do Centro chegam a ser presos, mas no outro dia estão na rua novamente. Acredito que eles também deveriam ficar detidos até o fim do isolamento social. Conforme Eduardo, somente para substituir a porta deve ser gasto em torno de R$ 5 mil, fora os serviços com segurança para ficar no local enquanto a estrutura não é trocada.

Prisão - Na madrugada desta quarta-feira (1º), por exemplo, Jonas Rodrigues de Amorim, 25 anos, foi preso em flagrante após quebrar a porta de blindex com uma pedra para furtar a loja de brinquedos.  No dia 18 do mês passado, a mesmo loja foi alvo de furto. O ladrão também arrombou a porta de vidro com um pedaço de trilho de trem e fugiu levando uma bicicleta infantil. Ela foi abandonada pelo bandido a cerca de 200 metros do local.