ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  03    CAMPO GRANDE 21º

Capital

De clínica a escola: invasões para furtar acabam em prisões na madrugada

Ladrões já corriam com televisor escondido em cobertor e eram perseguidos por motoristas de aplicativo quando foram presos

Por Izabela Sanchez | 12/07/2020 09:55
Entrada de clínica na Rua da Divisão, de onde dupla retirou televisor, que estava enrolado em cobertor (Foto: Marcos Maluf)
Entrada de clínica na Rua da Divisão, de onde dupla retirou televisor, que estava enrolado em cobertor (Foto: Marcos Maluf)

Duas invasões, em escola pública e clínica odontológica, na madrugada deste domingo (12) e com a intenção de acabar em furtos, foram frustradas por guardas e policiais. Os ladrões foram presos, um com alicate na mão, e outro levando uma televisão, no momento do furto aos estabelecimentos.

Segundo o registro policial, agentes da GCM (Guarda Civil Metropolitana) faziam rondas pela região do bairro Aero Rancho e foram avisados de que um homem havia invadido a Escola Municipal Irene Szukala, na Rua Iemanjá.

Encontraram um guarda no local que relatou ter ouvido barulho de vidros quebrando na cozinha. Os agentes entraram na escola e encontraram o autor com um alicate na mão. Ele ainda negou ter quebrado os vidros e disse não ter visto quem quebrou.

Ele foi levado para a delegacia e. segundo o boletim registrado pela polícia civil, já apresentava passagens por crimes similares.

Parte da grade que cerca a entrada da clínica, arrancada pelos ladrões (Foto: Marcos Maluf)
Parte da grade que cerca a entrada da clínica, arrancada pelos ladrões (Foto: Marcos Maluf)

Perseguição -  Já no bairro Jardim Parati, dois motoristas de aplicativo perseguiam ladrões, um deles carregando um televisor, quando a polícia militar foi acionada e chegou ao local.

De acordo com o registro, os dois contaram à polícia que viram dois homens saindo da clínica Odonto Excellence, na Rua da Divisão, e que um deles carregava uma tv escondida em um cobertor. Presos, os dois ladrões confessaram que arrombaram a porta de entrada da clínica para furtar o local.

Da clínica, eles pretendiam levar o televisor de de 40 polegadas, mas a polícia ainda achou dois celulares xiaomi, a marca chinesa, e R$ 58,00 entre os objetos que carregavam.

Os crimes de arrombamento, tentativa de furto e furto foram registrados na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol, no Bairro Tiradentes.