ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUARTA  12    CAMPO GRANDE 19º

Capital

Durante churrasco, homem é chamado de pedófilo e morto a facadas

Crime ocorreu na noite de ontem (11) no Jardim Inápolis, em Campo Grande

Por Kerolyn Araújo | 12/07/2020 07:21
Crime ocorreu em casa na Rua da Sé, no Jardim Inápolis. (Foto: Google Street View)
Crime ocorreu em casa na Rua da Sé, no Jardim Inápolis. (Foto: Google Street View)


Discussão após acusação de pedofilia terminou com a morte de Hernandes Sérgio da Silva, 30 anos. O crime ocorreu na noite de ontem (11) no Jardim Inápolis, em Campo Grande. O autor do assassinato, identificado como Jorge Anderson Pereira Mota Lavales, 20 anos, foi preso.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a mãe do autor contou à polícia que estava em casa, na Rua da Sé, tocando violão com Hernandes, quando o filho chegou. A vítima e Anderson fizeram churrasco e começaram a beber.

Ainda segundo relatos da mãe do autor à polícia, em determinado momento, Hernandes perguntou sobre as duas filhas pequenas da mulher. Anderson não gostou, chamou o homem de pedófilo e os dois começaram uma discussão.

Durante a briga, Anderson pegou uma faca que estava na cintura e esfaqueou Hernandes até a morte. Ele fugiu em seguida.

Na madrugada deste domingo (12), agentes do GOI (Grupo de Operações e Investigações) localizaram Anderson no terreno de uma casa na Rua da Argila, também no Jardim Inápolis. Ele estava bastante ferido.

Anderson foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para a Santa Casa, onde está internado sob escolta policial.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.