A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018

17/01/2014 12:15

Família diz que jovem morta na Espanha ia voltar a MS após oito anos

Graziela Rezende

Em entrevista a imprensa de Dourados, a 233 quilômetros da Capital, a cozinheira Eva de Souza, 43 anos, disse que a filha Patrícia Souza Leal, 28, encontrada morta há dois dias em Madri, na Espanha, retornaria para Mato Grosso do Sul em junho, após oito anos no exterior.

Neste período, a jovem estava trabalhando como babá e tinha a intenção, de acordo com parentes, de abrir um negócio em Dourados, possivelmente uma loja de roupas. Ela ainda gostaria de prestigiar a Copa do Mundo, que ocorrerá em junho deste ano.

Emocionada, a mãe também apontou o namorado da jovem como o principal suspeito. Patrícia iniciou o relacionamento há oito meses, sendo que um amigo notou a falta dela e foi até o apartamento da vítima, onde a encontrou morta com uma facada nas costas. Esta testemunha entrou em contato com a irmã de Patrícia, que reside em Campo Grande.

Neste momento, parentes pedem doações para realizar o translado do corpo para o Brasil. O custo é de R$ 20 mil.

Suspensão de gratuidade no transporte de doentes crônicos gera protesto
Manifestantes irão se reunir nesta quinta-feira (18), em frente à Abrec (Associação Beneficente dos Renais Crônicos), em protesto contra decisão do S...
Abordada no Centro, jovem é mantida refém e deixada por bandido no Noroeste
Uma jovem de 22 anos foi deixada no Jardim Noroeste em Campo Grande, depois de ser mantida refém dentro do próprio veículo Gol, que foi roubado por u...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions