A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

27/05/2015 10:03

Greve nas escolas desfalca Capital em disputa mundial de atividade física

Luana Rodrigues e Aline dos Santos
Soldados do exército puxaram uma viatura com mais de cinco toneladas para somar pontos no desafio (Foto: Marcos Ermínio)Soldados do exército puxaram uma viatura com mais de cinco toneladas para somar pontos no desafio (Foto: Marcos Ermínio)

Campo Grande terá uma dificuldade maior para atingir a meta de 250 mil participantes no Dia do Desafio deste ano, de acordo com os organizadores. Isso porque, com as greves na rede municipal e estadual, cerca de 150 mil estudantes deixam de compor o número de representantes da Capital. O desafio acontece em uma série de ações desenvolvidas pelas prefeituras, com o apoio de empresas e da comunidade em geral, como ocorre também nos demais lugares do mundo. No Brasil, a disputa é coordenada pelo Sesc (Serviço social do Comércio).

"O desafio esse ano é maior, já que metade dos participantes que tínhamos como certos estão em casa, o que gera um deficit de participação. Estamos tentando tirar as pessoas de casa, o convite é para todos", explicou Luiz Mazzali, o coordenador do Dia do desafio na Capital, em Corumbá e Ribas do Rio Pardo.

Luiz Mazzali, o coordenador do Dia do desafio na Capital, Corumbá e Ribas do Rio Pardo (Foto: Marcos Erminio)Luiz Mazzali, o coordenador do Dia do desafio na Capital, Corumbá e Ribas do Rio Pardo (Foto: Marcos Erminio)

No Estado, além de Campo Grande, que enfrenta Tacna, no Peru; Dourados estará no páreo com Quetzaltenango, na Guatemala; Três Lagoas terá que superar a cidade de Colombo, no Paraná (Brasil); Corumbá se movimentará contra Cienfuegos, em Cuba e Ribas do Rio Pardo terá que superar a adesão da cidade de Sarchi Norte, na Costa Rica.

Na Capital, conforme assessoria do Sesc, as ações serão disseminadas por toda a cidade, entre as praças, escolas públicas e até nos terminais de ônibus. A programação teve início às 7h30 na Praça Belmar Fidalgo, onde a abertura contará com a participação de representantes da Prefeitura e do Sesc, bem como de parceiros, já confirmados, como o Exército brasileiro, o Corpo de Bombeiros, o Conselho Regional de Educação Física. "Estamos buscando soluções para vencer o desafio. A proposta é que cada um convide outro para quebrar o paradigma de ficar em casa", disse a coordenadora municippal do Dia do Desafio, Carolina Salles.

Dia do Desafio 2015 - a proposta é estimular a prática regular de exercícios e hábitos de vida saudáveis, durante toda a quarta-feira (27) em Campo Grande e outras 3 mil cidades, simultaneamente em mais de 20 países, em uma competição saudável entre cidades que foram sorteadas no último dia 12.

A competição mundial reconhece as cidades que concorrem entre si e conseguem a maior adesão entre a população fazendo pelo menos 15 minutos de exercícios físicos no dia da mobilização.

Rapel em praça faz parte da atividade nesta quarta (Foto: Marcos Ermínio)Rapel em praça faz parte da atividade nesta quarta (Foto: Marcos Ermínio)
Garoto participa do Dia do Desafio com o apoio do Exército (Foto: Marcos Ermínio)Garoto participa do Dia do Desafio com o apoio do Exército (Foto: Marcos Ermínio)


Que pena, no ano passado foi tão legal, é mais um coisa que devemos agradecer ao nosso querido prefeito pastor, obrigado prefeito.
 
Max em 27/05/2015 12:22:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions