A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

17/07/2018 11:30

Invasores deixam cenário de destruição na igreja matriz da Capital

Pároco acredita que bandidos confundiram o sacrário com um cofre e o arrancaram da parede

Ricardo Campos Jr., Gulherme Henri e Miriam Machado
Sacrário foi arrancado da parede e jogado no chão (Foto: Paróquia Santo Antônio)Sacrário foi arrancado da parede e jogado no chão (Foto: Paróquia Santo Antônio)

Invasores ainda não identificados destruíram o local onde se guarda o Santíssimo Sacramento na Catedral de Nossa Senhora da Abadia, em Campo Grande. A ação ocorreu durante a madrugada desta terça-feira (17) no templo localizado na esquina da avenida Calógeras com a 15 de Novembro.

Pelo fato, o arcebispo Dom Dimas de Lara Barbosa celebrará uma Missa de Desagravo nesta quinta-feira (19).

O pároco da comunidade católica, padre Odair Costa, descobriu a violação ao chegar ao local por volta das 6h50 e notar que as portas haviam sido arrombadas. “Quando cheguei no espaço mais sagrado, vi que havia sido arrebentado”.

Ele acredita que os bandidos estavam em busca de objetos de valor e confundiram o sacrário (onde o Santíssimo Sacramento é guardado) com um cofre. Não há informações se a secretaria, que também fica dentro do templo, foi invadida e se algo chegou a ser levado.

O sacrário, que pesa muitos quilos, foi arrancado da parede e jogado no chão. Diante do ocorrido, as hóstias que foram expostas foram recolhidas e levadas para outro local. A PM (Polícia Militar) foi chamada.

Para os católicos, a violação do Santíssimo Sacramento é o pior dos sacrilégios, já que as hóstias consagradas são o próprio Jesus. No buraco onde ficava o sacrário, foi colocado um cartaz com uma imagem de Cristo.

Ósteas ficaram espalhadas.Ósteas ficaram espalhadas.
Logo pela manhã, cenário encontrado foi de símbolos religiosos violados.Logo pela manhã, cenário encontrado foi de símbolos religiosos violados.


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions