A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

10/03/2012 12:42

Jovem que teve o corpo queimado é morador de rua há dois anos

Ana Paula Carvalho e Francisco Júnior
Bombeiro verifica local onde jovem foi queimado. Aparentemente ele dormia no terreno. (Foto: Marlon Ganassin)Bombeiro verifica local onde jovem foi queimado. Aparentemente ele dormia no terreno. (Foto: Marlon Ganassin)

O jovem de 22 anos que teve 40% do corpo queimado por um grupo de pessoas, na madrugada deste sábado, em Campo Grande, é morador de rua há aproximadamente dois anos. Aparentemente, ele dormia no local quando foi agredido.

O crime aconteceu por volta das 3h em um terreno baldio que fica entre o Jardim das Cerejeiras e o Jardim Nascente do Segredo. No local, onde ele disse que foi amarrado, a Polícia encontrou uma espécie de tapume que servia de cama.

No terreno, o perito recolheu duas tampas, uma de detergente e outra de garrafa e um guarda-chuva velho. De acordo com o delegado plantonista, Divino Mendonça, a perícia vai identificar se algum combustível foi utilizado na ação.

De acordo com moradores, onde o morador de rua foi queimado não tem iluminação publica. O terreno também serve como depósito de lixo. Até cachorro morto foi jogado no local.

Após a agressão, aparentemente gratuita, moradores da região ficaram amedrontados. “O local é tranquilo, nunca aconteceu isso por aqui. Agora estamos com medo”, afirma a cabeleireira, Iracema de Souza, de 54 anos. Ela mora em uma casa que fica de frente para o terreno.

O caso - De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, Levi da Costa foi encontrado caminhando pela rua Albatroz.

As queimaduras são de 1º e 2º graus. O fogo atingiu principalmente a genitália, peito e cabeça do jovem. Ele foi encaminhado a Santa Casa e terá que passar por cirurgia plástica.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, ele foi agredido por três homens e uma mulher que chegaram em duas motocicletas.

Morador de rua - De acordo com a Polícia, o último endereço de Levi é de aproximadamente dois anos atrás, em Corumbá. Ele não tem passagem na Polícia.

Homem é internado após ser amarrado e ter o corpo queimado
Polícia não conseguiu informações sobre suspeitos porque a vítima estava sedadaUm homem teve o corpo queimado na madrugada deste sábado (10), por vo...
Homem de 30 anos é esfaqueado e fica em estado grave
Bartolomeu Gomes de Araújo Barbosa, 30 anos, ficou gravemente ferido após ser atingido a golpes de faca no abdômen, na noite de ontem (12), na Rua Bo...
Após documento vazar, Sesau diz que hemogramas não foram suspensos
A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) afirmou que os hemogramas continuam sendo feitos na rede pública de saúde de Campo Grande. A informação inici...


É importante identificar os culpados e punir exemplarmente. Senão corremos o risco de ficarmos iguais as outras capitais.
 
Orlando Satoshi em 11/03/2012 07:27:51
INFELIZMENTE A HUMANOS ESTÃO SE TRANSFORMANDO EM MONSTROS,ONDE JÁ SE VIU COLOCAR FOGO EM UMA PESSOA ONDE ISSO VAI PARAR.SERÁ QUE ESSAS PESSOAS NÃO TEM CORAÇÃO,NÃO TEM FAMÍLIA,CADA DIA QUE PASSA TENHO MAIS MEDO DO SER HUMANO.VAMOS ACORDAR ANTES QUE SEJA TARDE,ESPERO QUE ESSES INDIVÍDUOS SEJAM ENCONTRADOS E PAGUEM POR ESSE CRIME.
 
JANICÉIA JULIANA em 10/03/2012 12:56:33
Meu Deus...isso é desumano demaaaais....não se faz isso com um animal quanto mais com gente. Esses indivíduos que fizeram isso tem que ser presos e pagar pelo crime que cometeram. Justiça....
 
Roselene de Lurdes em 10/03/2012 10:57:51
Que os culpados pagem pelo crime com todo rigor da Lei. No entanto Campo Grande não tem porque ter morador de rua, há emprego para todos hoje e só não trabalha quem quer ser vagabundo
 
luiz alves pereira em 10/03/2012 09:46:15
Gente, o que esta acontecendo com as pessoas? Sera que estão perdendo a compaixão pelo proximo? parece que virou moda agredir e matar os moradores de rua.
 
Franciane Coimbra em 10/03/2012 09:16:15
Esserapaz já vivia o infortúnio de viver passando necessidades nas ruas, sem apoio de familiares, amigos ou querm quer que seja, e aí vem esse grupo de "animais" e ainda faz esse ato covarde com o pobre coitado. Quanta crueldade!!!!
 
MARCELLO MENDES em 10/03/2012 05:05:21
Que absurdo, isso é a barbárie, retrato de uma sociedade que acha que se pode fazer justiça com as mãos.
 
Ricardo Maia em 10/03/2012 02:16:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions