A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

28/08/2013 20:24

Justiça solta menino que presenciou assassinato da mãe e atirou no pai

Vinícius Squinelo

O adolescente de 17 anos que presenciou, minutos após o assassinato, a mãe morta na cama e o pai no chão foi solto da Unei (Unidade Educacional de Internação) Novo Caminho na noite de hoje (28). A informação foi confirmada pelo superintendente estadual de Assistência Socioeducativa, Rubens Grandini.

A ordem de soltura foi expedida nesta tarde pelo Juizado da Criança e do Adolescente de Campo Grande, e o jovem foi solto no começo da noite, quando saiu da Unei Novo Caminho, no bairro Los Angeles, acompanhado de parentes.

Após presenciar mãe e pai mortos no chão, o adolescente pegou uma arma de fogo e deu mais dois tiros nas costas do pai Gregório Martins, 42 anos, o que, segundo a polícia, incluiu a sua participação no crime e por isso ele foi apreendido em flagrante.

Assim que ocorreu a tragédia, o adolescente foi levado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro. Em depoimento, ele disse que escutou os tiros e quando entrou na sua casa, no Jardim Sayonara, deparou-se com os pais mortos. Desesperado, ele teria alvejado Gregório.

Logo depois, de acordo com a Polícia, o adolescente bagunçou vários objetos da cozinha e saiu pelas ruas gritando e pedindo por socorro. Ele foi apreendido em flagrante e responderá por ato infracional de homicídio.

Tragédia – Na noite de domingo (25), conforme a polícia, Gregório chegou em casa, na rua Leverino de Queiroz e matou a esposa, Joracy Rodrigues Cristaldo da Silva, 40 anos. Em seguida, ele deu um tiro na cabeça com um revólver de calibre 38.



É fácil jugar o rapaz né Samuel supor que fosse a tua mãe no lugar da dele oq vc faria?
Este rapaz ira precisar muito de uma ajuda psicológico pq perder a mãe do jeito trágico que ele perdeu é muito difícil, que Deus possa confortar o coração dele e da família...
 
Luciano da Silva em 29/08/2013 17:56:58
espero que ele fique bem agora depois deste trauma. mas acho que vai precisar de tratamento psicologico pois e muito dificil perder uma mãe imagina deste jeito não abandone este rapaz pode ser que ele não tenha uma vida tranquila
 
silvana baroni em 29/08/2013 09:34:48
Eu entendi bem a matéria?quase no final está: "Ele foi apreendido em flagrante e responderá por ato infracional de homicídio", e no final: "Na noite de domingo (25), conforme a polícia, Gregório chegou em casa, na rua Leverino de Queiroz e matou a esposa, Joracy Rodrigues Cristaldo da Silva, 40 anos. Em seguida, ele deu um tiro na cabeça com um revólver de calibre 38. Pergunto: se Gregório matou a esposa, pq o filho vai responder por infração de homicídio? ou restou dúvidas?, é estranho demais assim, como vamos confiar na justiça se um mata e outro responde por isso?Entendo que o menor deveria ser apreendido para averiguações, mas agora "vai responder"...
 
Lúcia Sales em 29/08/2013 08:28:38
A justiça, provavelmente , pôs de volta as ruas um homicida que foi preso em flagrante pela nossa valorosa PM. Baleado o pai,provavelmente agonizava e indefeso,gemia a espera de socorro, aí aparece o filho e acaba de mata-lo. Ao liberar o rapaz a tal justiça, derruba toda essa hipótese sem ao menos esperar o resultado das investigações.O trágico fato que causou as mortes nos deixa uma lição; O Sagrado Lar Não é lugar Pra Ter Armas de Fogo, simbolo de morte.
 
samuel gomes-sidrolandia em 29/08/2013 08:16:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions