A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

26/05/2013 08:50

Mulher é morta a tiro pelo ex-marido ao chegar em casa no Jd. Canguru

Nadyenka Castro, Jéssica Benitez e Aliny Mary Dias
Motocicleta usada pelo autor do crime está com a Polícia. (Foto: Marcos Ermínio)Motocicleta usada pelo autor do crime está com a Polícia. (Foto: Marcos Ermínio)

Sirlei Machado Ferreira, 30 anos, foi morta a tiro pelo ex-marido, Ney Calisto Ribeiro, 38 anos, por volta das 18 horas desse sábado, no Jardim Canguru, em Campo Grande. Ele ainda não foi localizado.

De acordo com a Polícia Civil, o crime aconteceu na rua Jabuti. Sirlei descia de uma camionete, onde havia mais duas pessoas, quando Ney, na rua, atirou. O tiro de calibre 38 atingiu as costas da vítima, saiu pelo peito e também pegou na lataria do veículo. A mulher morreu no local.

Uma amiga de Sirlei, que prefere não se identificar, conta que elas e mais uma colega participariam de uma festa em uma casa em frente ao local do homicídio. Um amigo delas era o DJ do evento e as convidou.

A amiga diz que já estava dentro da casa quando ouviu o tiro e, ao sair, viu Sirlei morta. Segundo ela, a vítima foi casada com Ney por 10 anos. O casal tem um filho de nove anos e estava separado há dois meses.

Conforme relatos da mulher, Ney não era um homem violento. Ele não aceitava o fim do relacionamento e procurava amigos em comum para pedir ajuda para reconciliação. Apesar disso, conforme a amiga da vítima, não causou brigas.

Ney estava em uma Honda Biz quando atirou na ex companheira. Ele fugiu do local e a moto foi encontrada abandona na avenida Manoel da Costa Lima.

De acordo com informações de amigos, a motocicleta era da vítima, que há uma semana trabalhava como auxiliar de produção de uma rede de sorveterias. Ney é caminhoneiro.

O velório da mulher será realizado em Sidrolândia. No local do crimes, moradores declararam que viram movimentação policial e que não conheciam o casal. Para a Polícia Civil, Ney deve ter seguido Sirlei ou, sabendo aonde ela iria, a esperado no local.

Eventos de Natal, inauguração de igreja e obras interditam 9 ruas na Capital
A Agetran (Agência Municial de Transporte e Trânsito) informa que pelo menos 9 ruas terão o tráfego impedido neste domingo (17) em Campo Grande. O fe...
Bandidos armados com faca usam carro prata para assaltar vítimas
Dois homens armados com faca em um carro prata - com placas HTI-8594 - assaltaram ao menos duas vítimas, na madrugada deste domingo (17), no Bairro C...


éla .éra uma mulher muito sorridente,alegre feliz. ajudava todos éla tinha um coração muito bom mas pena q hoje já ñ tá mais entre nos
estou com muitas saudades dela
 
ana paula osmar camelo em 06/10/2013 12:19:25
Minha mae tinha defeitos!! Sim ela tinha
Mas tbm um coraçao imenso que ajudava a qualquer um
Era amiga de todos com sua risada e seu jeitinhu encantava qualquer um
Com todos os defeitos que ela tinha ele ñ tinha o direito de tirar a vida dela pq ele ñ penso na minha irma de nove anos ñ penso em nd foi mt covarde
Ninguem tem direito de tirar a vida de alguém só quem tem esse direito é Deus e só ele sabe a dor que estou sentindo a saudade a falta do carinho minha mãe era maravilhosa
Mas que Deus a tenha minha mãe vc sempre estará na nossa memoria desse jeitinho que era alegre divertida sempre te amarei maezinha e a justiça sera feita
 
camilla yumi em 29/05/2013 20:07:22
é mais dois meses é muito pouco de separação
 
Marcio Campos em 29/05/2013 08:53:46
ninguém é dono de ninguem,e ninguem tem o direito de tirar avida do outro. Ja não existe mais respeito,
 
adriana ribeiro em 27/05/2013 12:11:05
Bom acredito que temos que pensar nos nossos atos pois as consequencias serão terríveis,infelizmente ela morreu deixou sua FILHA DE 10 ANOS.mas e ele? vai ficar c essa culpa pro resto da vida,sabendo que matou a mãe da sua filha uma pessoa que apesar de ter defeitos como todos ele a amava.só q não pensou na besteira q iria fazer na vida de todos.Isso sem duvida é pior que a morte.Fica os pesames...
 
Fernanda Braga dos Santos em 27/05/2013 11:05:45
O cara não era violento, no entanto, penso que tem momento que a paciência acaba, ninguém é obrigado a ficar junto. Não os conheço, porém acho que o cara gostava dela e talvez ela não soube apresentar uma roptura do casamento aceitável, ou seja, possivelmente houve um "deslize" por parte dela e ele tenha se sentido muito mal e aí a consequência fatal. Igualmente neste exato momento existem vários casais em situações parecidas, podendo chegar a tal situação. Fica aqui os pesares aos familiares, e que os casais procurem, por mais difícil que é dizer sempre a verdade, ter postura de casados, não para as outras pessoas mas para si, cada um, o homem e a mulher sempre honestos consigo mesmo.
 
silva souza em 27/05/2013 10:31:35
Questões amorosas mal resolvidas não é caso de Policia,creio que as mulheres devam escolher melhor seus companheiros.
 
edmur Penedo em 27/05/2013 09:30:07
E vai querer dizer que ele ainda a amava? Não pensou nos 10 anos juntos e menos ainda no filho, que agora segue orfão de pai e mae! Acha que esta no Oriente Medio, para tal façanha? Deus guarde esta criança!
 
Cecilia Nunes em 27/05/2013 09:07:04
até quando continuará acontecendo coisas deste tipo no jardim Canguru. está na hora das autoridades colocarem um posto Policial nesta vila acorda Campo Grande e PM .
 
adelino vargas padilha em 26/05/2013 19:44:19
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions