A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

20/12/2010 10:52

Nelsinho quer apoio do Governo Federal para incentivar o esporte

Carlos Martins

Ao entregar o troféu à UCDB, campeão geral dos 32º Jogos Abertos de Campao Grande, o prefeito Nelsinho Trad disse que vai em busca de recursos federais para incentivar o esporte

Prefeito Nelsinho Trad participa da premiação dos 32º Jogos Abertos de Campo Grande (Foto: João Garrigó)Prefeito Nelsinho Trad participa da premiação dos 32º Jogos Abertos de Campo Grande (Foto: João Garrigó)

A grande campeã dos 32º Jogos Abertos de Campo Grande, a UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), recebeu na manhã desta segunda-feira das mãos do prefeito Nelsinho Trad (PMDB) o troféu pela conquista. Com 104 pontos, a UCDB venceu 11 das 12 modalidades em que competiu e com isso sagrou-se pela sexta vez a campeã geral dos Jogos Abertos. Agora, o desafio do município, dirigentes e esportistas, é correr atrás de recursos federais para incentivar cada vez mais o esporte.

“À hora é esta de buscar recursos para, quem sabe, termos alguns desses jovens talentos aqui nos representando nas Olimpíadas de 2016 [no Rio de Janeiro]“, declarou o prefeito Nelsinho Trad. Nelsinho recordou da época em que não havia nem orçamento para o esporte. “Se vivia de migalhas. O cobertor ainda é curto, mas não precisamos mais sair com o pires na mão”, afirmou.

A premiação das equipes campeãs das 32º Jogos Abertos de Campo Grande aconteceu na sede da Funesp (Fundação Municipal de Esportes) e teve as presenças do secretário de Governo e Relações Institucionais, Rodrigo Aquino, do presidente da Funesp, professor Carlos Alberto de Assis, de dirigentes de federações e de esportistas. Atletas que se destacaram em competições nacionais também foram homenageados com troféus.

 Nelsinho quer apoio do Governo Federal para incentivar o esporte

Os 32º Jogos Abertos de Campo Grande foram realizados entre17 de novembro e 11 de dezembro e reuniu em torno de 1.050 atletas que participaram de modalidades (masculino e feminino) tais como Voleibol, Basquetebol, Handebol, Futsal, Atletismo, Judô, Natação e Ciclismo. A atleta do ciclismo Tais Machado foi uma das homenageadas. Os jogos serviram como seletiva para representar Campo Grande nos Jogos Abertos de Mato Grosso do Sul (JAMS), a serem realizadas no ano que vem (em março ou abril).

Nelsinho disse que está disposto a ir juntamente com dirigentes até Brasília em busca de investimentos para o esporte local. Para ele, o Brasil, que se prepara para sediar a Copa do Mundo, as Olimpíadas, a Copa das Confederações, entre outras competições importantes, precisa formar talentos. “O Governo Federal deve abrir linhas de crédito para estimular o esporte pelo país. “Vamos correr atrás de verbas. Iremos juntos até o Ministério dos Esportes”, disse o prefeito aos dirigentes.

A UCDB participou em 12 modalidades (com exceção do atletismo) e venceu em 11. Das oito modalidades coletivas, a universidade venceu em sete e só não conquistou o título no futsal masculino. “Apoiar o esporte é uma tradição dos Salesianos desde as categorias de base e agora dando continuidade na universidade. Com o apoio, que está crescendo, a UCDB também começa a se destacar nas competições nacionais e isso mostra a magnitude da universidade”, disse o coordenador de Esportes da UCDB, professor Luís Magalhães.

Segundo o presidente da Funesp, professor Carlos Alberto de Assis, apesar das dificuldades o ano foi muito proveitoso. “Tivemos o apoio do prefeito Nelsinho. Campo Grande é o único município no Estado que tem uma lei que apoia o esporte. Graças a esse incentivo, 100 atletas, de 18 modalidades, receberam apoio financeiro”, afirmou. Ele explicou, também, como buscar recursos. “Temos que fazer projetos para buscar recursos, no governo federal, iniciativa privada e entidades que apoiam o esporte”.

De acordo com balanço da Funesp, em 2010 foram realizados 428 eventos esportivos, atendendo a 450 mil pessoas. “Também, fruto da ousadia, realizamos 23 eventos esportivos nacionais e internacionais em Campo Grande que atraíram 160 mil visitantes, gerando emprego, renda e contribuindo para a arrecadação de impostos”, informou Assis.



Interessante;
O Sr. Nelsinho, esta incentivando todo o esporte, desde que assumiu a PMCG,
a primeira promessa, foi ajudar o ECComercial, e que até hj ninguem viu nada,
então, até quando vamos ficar esperando e acreditando que algum politico vai
fazer alguma coisa pelo esporte, principalmente pelo nosso futebol, que esta
agonizando.

abraço a todos

Rogério
 
Rogério Dantas em 20/12/2010 11:07:12
Mesmo com todas as dificuldades, sempre é possivel realizar e incentivar os jovens a praticar esportes. Porém para que se possa ter atletas com nível de competição nacional é impreterivel que acha um apóio efetivo do Estado e empresas (patrocínio), além de que seja efetivado um programa para que estes jovens tenham acesso a várias modalidades de esportes.
Uma idéia seria aproveitar toda a infra-estrutura das escolas que possuem quadras cobertas, colocando isso a disposição da comunidade como ocorria antigamente com colonia de férias para os jovens e crianças com auxílio de monitores (que podem ser inclusives estudantes das várias faculdades de educação física do Estado), e aproveitando a estrutura do GANANDIZÃO para se fazer um grande CNETRO DE REFERÊNCIA PARA ATLETAS QUE JÁ TENHAM SIDO PRECELECIONADOS E POSSUAM UM TALENTO ESPECIAL, para que tentam treinamento específico e acompanhamento de profissionais para que possam tirar o melhor destes jovens.
 
ady faria em 20/12/2010 11:02:12
nelsinho, quer ajudar o esporte? coloque a funesp nao mao de quem realmente gosta de esportes e que vai trabalhar para o crescimento do esporte e nao para seu crescimento pessoal.
 
JORGE DAURI DE OLIVEIRA FERNANDES em 20/12/2010 01:05:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions