ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  02    CAMPO GRANDE 27º

Capital

Para garantir senhas da tarde, população mantém movimento na Central de Testagem

Quem insiste em ficar por lá, acredita que conseguirá fazer o teste ainda hoje

Por Lucia Morel e Bruna Marques | 23/01/2022 09:38
Fila de espera por senha chega na rua Pedro Celestino; Central fica na Barão de esquina com a Padre João Crippa. (Foto: Marcos Maluf)
Fila de espera por senha chega na rua Pedro Celestino; Central fica na Barão de esquina com a Padre João Crippa. (Foto: Marcos Maluf)

A movimentação continua grande na Central de Testagem de covid-19 no centro de Campo Grande. Mesmo depois de pessoas terem sido dispensadas do exame com o fim das senhas nesta manhã, ainda há muita gente chegando já à espera das senhas da tarde.

Quem insistiu em ficar por lá, acredita que conseguirá fazer o teste ainda hoje e comentou que servidores fazem a contagem da fila para posterior distribuição de senhas. Mas nos bairros também há opções de locais para fazer o teste. Confira aqui.

Já a professora Josiane Sarowatari, de 36 anos, conseguiu fazer o exame, que infelizmente deu positivo. Ela já tinha tentado realizar o teste ontem, mas chegou tarde, às 8h30 e saiu de lá às 13h30 sem conseguir realizá-lo, porque distribuíram, apenas 50 senhas à tarde. Hoje, o marido dela madrugou e garantiu a senha 10 para ela.

Josiane conseguiu senha hoje porque madrugou, mas ontem, não conseguiu fazer o exame. (Foto: Marcos Maluf)
Josiane conseguiu senha hoje porque madrugou, mas ontem, não conseguiu fazer o exame. (Foto: Marcos Maluf)

Ele chegou às 4 horas da manhã para segurar a fila. “Estou com sintomas desde quinta-feira, com dor de garganta, no corpo e de cabeça e agora deu positivo. É a primeira vez que pego e acredito que a vacina é o diferencial para um quadro mais leve e também pro nosso psicológico não ficar mais tão abalado, com medo”, destacou.

Segundo ela, a razão de terem distribuído menos senhas na parte da tarde é porque muitos servidores do local faltaram por estarem com covid-19. Leitora do Campo Grande News que entrou em contato pelo Fale Conosco relatou a mesma situação e contou que ficou até às 14h de ontem na fila “sem eles darem nenhuma satisfação, só falando para esperar que iam distribuir as senhas da tarde e nada”, lamentou.

Nos siga no Google Notícias